18 Maio 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioÚltimasJantar distrital do PS em Grândola junta mais de 500 militantes

Jantar distrital do PS em Grândola junta mais de 500 militantes

Líder da Federação de Setúbal diz que momento é de celebração das vitórias socialistas nas autárquicas e legislativas

 

- PUB -

A Federação Distrital de Setúbal do PS promoveu na noite deste sábado um jantar, em Grândola, que juntou, segundo a organização, mais de 500 militantes de todas as secções concelhias.

O jantar da liberdade, como foi designado o encontro, comemorou os 49 anos do partido, os 48 anos do 25 de Abril e o 1.º de Maio, e, para o líder distrital, foi igualmente “um momento de celebração das vitórias” que o PS tem tido no distrito nas últimas eleições, tanto autárquicas como legislativas.

O encontro anual por esta altura do 25 de Abril, em Grândola, é já uma espécie de tradição para o PS na região, embora nos dois últimos anos não se tenha realizado, devido à pandemia. Da última vez, em 2019, o encontro contou com a presença do secretário-geral.

- PUB -

António Costa não esteve presente desta vez, tendo sido representado pelo secretário-geral adjunto. João Torres, que se estreou num primeiro grande evento partidário neste cargo, disse que o Orçamento de Estado, que vai ser discutido na Assembleia da República na próxima semana, “honra o resultado [do PS] nas eleições e os 10 deputados eleitos por Setúbal”.

O secretário-geral adjunto respondeu ainda às criticas do PSD, que acusa os socialistas de recorrerem a medidas de austeridade.

“A razão para as oposições nos acusarem de promover políticas de austeridade é terem um peso na consciência”, atirou João Torres.

- PUB -

Antes falaram a presidente das Mulheres Socialistas, Ana Santos, e o líder distrital da JS, Pedro Almeida, assim como o presidente da concelhia de Grândola. Pedro Ruas considerou o líder da Federação, António Mendes, o “timoneiro das extraordinárias vitórias” que o partido tem tido nos últimos anos na região.

O líder local garantiu que o PS vai lutar para conquistar Grândola, em 2025, depois de nas últimas autárquicas ter ficado a apenas 172 votos da CDU.

Além dos autarcas e deputados eleitos pelo distrito, e de vários ministros, o jantar contou com a presença dos antigos líderes da Federação de Setúbal Alberto Antunes, Vítor Ramalho e Ana Catarina Mendes. O actual presidente distrital recordou também os antigos presidentes regionais Maldonado Gonelha e Joel Hasse Ferreira, falecidos este ano.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -