30 Novembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalMontijoMontijo fecha 2021 com saldo de 10,2M€ e reforça rubricas do orçamento...

Montijo fecha 2021 com saldo de 10,2M€ e reforça rubricas do orçamento para este ano

Loja do Cidadão e edifício de acessibilidades à Galeria Municipal são dois dos investimentos com verbas redefinidas

 

- PUB -

O ano de 2021 terminou com um saldo de gerência de 10,2 milhões de euros para a Câmara do Montijo. O resultado do exercício económico foi aprovado, na reunião extraordinária da passada sexta-feira, com os três votos da gestão socialista – a oposição, composta por dois vereadores do PSD e outros tantos da CDU, absteve-se.

Na mesma sessão e com igual sentido de voto foi viabilizada a 1.ª alteração modificativa ao Orçamento Municipal de 2022 e Grandes Opções do Plano 2022-2026.

A alteração, justifica a autarquia, foi “necessária” para dar “cobertura aos compromissos transitados [de 2021] bem como às dotações a definir no orçamento inicial do corrente ano”.

- PUB -

“Assim, os reforços realizados em rubricas de despesa corrente perfazem um total de 3.941.441,63€ e as anulações um total de 2.770,00€. No que concerne à despesa de capital, os reforços totalizam 6.311.043,70€ e as anulações o valor de 20.540,91€. Os reforços realizados em despesas não efectivas perfazem um total de 30.000,00€”, revelou a autarquia, em nota de Imprensa.

“Foi necessário fazer correcções em projectos como a Loja do Cidadão, que aumentou o valor base da obra, o que requer uma alteração concreta em relação ao Plano Plurianual de Investimento modificado”, explicou Nuno Canta, presidente da Câmara, citado no comunicado.

Segundo o socialista foram também definidas verbas para “lançar concursos como o edifício de acessibilidades à Galeria Municipal, entre outros”. A reprogramação de verbas visa também “o arranque do próximo ano lectivo”, as “obras da Capela de Sarilhos Grandes”, “intervenções nos cemitérios” e os “apoios aos bombeiros”.

- PUB -

“O documento essencialmente virado para a questão do investimento tem a ver também com a transferência de competências em várias áreas e tem também uma verba avultada para projectos que têm a ver com o que pensamos construir no âmbito das comunidades desfavorecidas”, completou a vice-presidente Maria Clara Silva, citada na mesma nota da autarquia.

Mais educação e festas populares contempladas

A alteração modificativa ao orçamento contempla as festividades populares e um aumento de investimento na área da educação. “Temos a obra do Centro Escolar do Afonsoeiro e também uma série de investimentos que estamos a fazer, não só a obra (que já estava no orçamento).

Há um reforço na área da educação para as tecnologias nos vários graus de ensino”, apontou Maria Clara Silva. A vereadora adiantou que a alteração prevê também a retoma “das Festas Populares de São Pedro e das festividades das freguesias”. “Temos fé que este ano se possam realizar”, disse sobre as iniciativas, que nos últimos dois anos foram canceladas face ao contexto pandémico.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Jovem morre esfaqueado em cilada durante convívio 

Vitima, na casa dos 20 anos, era estudante e trabalhador na Autoeuropa

Corpo do chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal encontrado na Praia da Torre em Grândola

Identificação do corpo terá sido feita por familiares na morgue, onde será realizada a autópsia, não havendo, até ao momento, indícios de crime 

Acidente na A2 junto a Palmela faz um morto e dois feridos ligeiros

Colisão entre dois veículos ligeiros ocorreu ao quilómetro 24.9 da Autoestrada 2. Vítima mortal tinha 42 anos
- PUB -