20 Maio 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalD. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

 

- PUB -

D. José Ornelas, 68 anos, vai deixar de ser Bispo de Setúbal para liderar a Diocese de Leiria-Fátima, apurou O SETUBALENSE junto de fonte próxima da Igreja.

De acordo com a mesma fonte, o Prelado responsável por Setúbal foi escolhido para substituir o Bispo Diocesano e Cardeal D. António Marto, que renunciou ao cargo em Leiria-Fátima por motivos de idade – já completou 75 anos. A sucessão poderá ainda abrir caminho para que D. José Ornelas possa vir a ser nomeado Cardeal.

Contactado por O SETUBALENSE, o ainda Bispo de Setúbal – que a 16 de Junho de 2020 foi eleito presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (líder dos bispos portugueses) – não confirmou nem desmentiu a informação.

- PUB -

“Essas notícias, quando chegam, chegam pelos canais próprios. Pela Santa Sé. Nada me chegou. Já sabem mais do que eu. Não vou fazer comentários”, disse o Prelado.

D. José Ornelas foi nomeado Bispo de Setúbal a 24 de Agosto de 2015 pelo Papa Francisco. Sucedeu no cargo a D. Gilberto Canavarro dos Reis que, na altura, também evocou motivos de idade para renunciar ao cargo na Diocese de Setúbal. A ordenação episcopal de D. José Ornelas viria a acontecer a 26 de Outubro daquele ano.

O Prelado, que nasceu a 5 de Janeiro de 1954 no Porto da Cruz, Ilha da Madeira, e que nos últimos seis anos tem dirigido a Diocese de Setúbal, prepara-se agora para transitar para a Diocese de Leiria-Fátima.

- PUB -

Na bagagem leva todo um percurso religioso que iniciou com formação na Congregação dos Sacerdotes do Coração de Jesus (Dehonianos). Foi a 9 de Agosto de 1981 que foi ordenado padre no Funchal. “Foi superior da Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus, cargo que assumiu a 1 de Julho de 2000; seria eleito superior geral dos Dehonianos a 27 de Maio de 2003, cargo que ocupou até 6 de Junho de 2015”, pode ler-se na página oficial da Ecclesia.

Antes, segundo informação publicada no mesmo site, D. José Ornelas fez “uma formação missionária em Moçambique”. É “especialista em Ciências Bíblicas, com o grau de doutor em Teologia Bíblica pela Universidade Católica Portuguesa”, onde “foi docente entre 1983-1992 e 1997-2003”. A eleição para presidir à Conferência Episcopal Portuguesa foi feita para o triénio 2020-2023, com D. José Ornelas a suceder neste cargo a D. Manuel Clemente.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Dez dias de música em vários palcos da cidade de Setúbal com os melhores sons e vozes

O festival arranca com Pedro Abrunhosa, atravessa vários artistas e termina com Cuca Roseta

Piscina na urbanização dos Fidalguinhos está quase a sair do papel

Obra de 3,5 milhões de euros já tem projecto e concurso pode avançar ainda este ano. Futuro equipamento terá capacidade para cerca de 700...

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas
- PUB -