16 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalAlcácer do SalCâmara aprova Orçamento Municipal para 2022 de 31,9 milhões

Câmara aprova Orçamento Municipal para 2022 de 31,9 milhões

Maioria CDU sublinha “boa saúde financeira” do município. PS vota contra e diz que receita está empolada

 

- PUB -

A Câmara de Alcácer do Sal aprovou esta quinta-feira o Orçamento Municipal para 2022, no total de 31,9 milhões de euros, com os votos a favor da maioria CDU e contra por parte do PS.

O presidente da autarquia, Vitor Proença, começou por destacar que, do orçamento de 2021, até dia 30 de Novembro, havia um saldo positivo de 11 milhões de euros e sublinhou que, comparativamente ao actual, o Orçamento de 2022 tem menos cerca de dois milhões no total.

Em declaração de voto, no final, os vereadores comunistas consideram que o município está de “boa saúde financeira” e explicam que as provisões para o próximo ano ainda não contemplam a transferência de competências – do Estado para as autarquias –, nas áreas da Educação e Acção Social, porque “o desconhecimento que a Câmara Municipal continua a ter dos encargos que vão ser transferidos não permitem, com o mínimo de rigor, inscrever os custos respectivos”.

- PUB -

O executivo CDU tenciona incluir essas despesas numa revisão orçamental.

“Acreditamos que, como resposta aos nossos pedidos insistentes, em breve o Ministério da Educação nos remeta contratos, custos e encargos com pessoal, prestação de serviços externos, necessidades de aquisição imediata de equipamentos, parque informático, de forma a que possamos proceder a uma revisão orçamental em sede de Assembleia Municipal, antes de 31/03/2022, com dados mais próximos da realidade.”, refere a declaração de voto comunista.

O PS, pela voz de Gabriel Geraldo, criticou o que diz ser o empolamento “habitual” do Orçamento, apontando “um conjunto de oito milhões de receita sem justificação”. O socialista disse ainda não ver verbas inscritas suficientes para a concretização de promessas da CDU, como o centro náutico e o parque de estacionamento na margem sul do rio Sado.

- PUB -

Vitor Proença respondeu que este ano a receita já ultrapassou os 33 milhões, para sustentar que os 31,9 milhões são alcançáveis no próximo ano, e ironizou sobre as preocupações socialistas quanto a obras prometidas pela maioria. “O projecto da CDU passou a ter guardiões, que são os eleitos do PS”, atirou o presidente, acrescentando que “ainda estamos no início [do mandato] e que o centro náutico e o parque de estacionamento vão ser feitos”.

Quanto a despesa, o OM 2022 prevê 24,7 milhões para encargos correntes e 7,1 milhões para investimento.

O PS criticou o nível de despesa com pessoal, considerando que onera o futuro do município, e a CDU contrapôs que se trata de uma opção que permite à Câmara Municipal prestar melhores serviços.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -