1 Outubro 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalSetúbalCabeça-de-lista da CDU por Setúbal define como prioridades novo aeroporto e terceira...

Cabeça-de-lista da CDU por Setúbal define como prioridades novo aeroporto e terceira travessia sobre o Tejo

Paula Santos diz ser igualmente urgente a “construção do Porto de Pesca da Trafaria e a promoção da capacidade produtiva do distrito”

 

- PUB -

A cabeça-de-lista da CDU por Setúbal nas próximas eleições legislativas, Paula Santos, defendeu na passada sexta-feira a “realização de investimentos estruturantes no distrito”, como “a construção do novo aeroporto no actual Campo de Tiro em Alcochete, da terceira travessia sobre o Tejo rodoferroviária ou do Porto de Pesca da Trafaria”.

A partir do auditório do Mercado do Livramento, naquela que foi a sua primeira declaração política enquanto cabeça-de-lista da coligação pelo distrito, Paula Santos explicou que os referidos “investimentos são fundamentais para o aproveitamento das potencialidades existentes e o desenvolvimento da actividade económica e para melhorar as acessibilidades e assegurar funções sociais do Estado”.

- PUB -

É também uma prioridade para a actual deputada do PCP a promoção “da capacidade produtiva do Distrito de Setúbal, através da diversificação das actividades económicas, aproveitando as especificidades existentes na actividade industrial, e no apoio às micro, pequenas e médias empresas”.

“O distrito tem enormes potencialidades e riquezas, apesar de estar profundamente marcado pelas consequências da política de direita, protagonizada pelos diversos partidos que nas últimas décadas estiveram no Governo, responsáveis pela destruição do aparelho produtivo e milhares de postos de trabalho, pelo desinvestimento público nas infra-estruturas e transportes, na saúde, na educação, pelo aprofundamento das desigualdades e da pobreza”, afirmou.

Por este motivo, defendeu Paula Santos, de 41 anos, licenciada em Química Tecnológica, perante dezenas de apoiantes, que “a CDU é a força que tem uma perspectiva de desenvolvimento integrado e sustentável do Distrito de Setúbal”.

- PUB -

Na sua intervenção, realçou igualmente a necessidade de se “concluir o IP8”, de se ampliar a rede do Metro Sul do Tejo e de se investir na Transtejo/Soflusa, nomeadamente “na contratação de trabalhadores e no reforço de navios”.

É também prioritária a edificação “de uma unidade de depuração de bivalves na Margem Sul do Tejo, a melhoria das redes de frio e a modernização dos portos de Sesimbra, Setúbal e Sines”.

“Na educação, é urgente a requalificação do parque escolar existente e a construção de novas escolas, entre as quais a Escola Secundária da Quinta do Conde, de pavilhões desportivos e da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Setúbal”, disse.

Já na área da saúde, classificou como “urgente” a construção do Hospital do Seixal, acrescentado que “ontem já era tarde”, assim como a ampliação e requalificação do Hospital Garcia de Orta, em Almada.

Para a cabeça-de-lista da CDU por Setúbal, o desenvolvimento do distrito passa também pela “reposição da NUTS III Península de Setúbal, que tem sido prejudicada no acesso aos fundos comunitários”.

“Defendemos também um novo redesenho da NUTS II e, enquanto estas medidas não são concretizadas, que se encontrem soluções no quadro dos instrumentos em vigor – Plano de Recuperação e Resiliência e Quadro Financeiro Plurianual 21-27 – para se compensar a Península de Setúbal”.

Sobre as eleições legislativas de 30 de Janeiro, disse travar “a batalha com confiança no trabalho realizado e no projecto que a CDU apresenta às populações”.

“O que a vida já demonstrou é que só com o reforço da CDU é possível concretizar novos avanços e defender e conquistar direitos. Dar mais força à CDU é a garantia para combater a direita, para impedir maiorias absolutas, para evitar retrocessos e para fazer avançar uma política alternativa, verdadeiramente de esquerda”, vincou, a concluir.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -