1 Outubro 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalBarreiroCapotamento de viatura dos Bombeiros do Corpo de Salvação Pública do Barreiro...

Capotamento de viatura dos Bombeiros do Corpo de Salvação Pública do Barreiro faz cinco feridos

Tanque de água da viatura encontrava-se cheio, factor que poderá ter contribuído para a ocorrência

 

- PUB -

Cinco elementos dos Bombeiros Voluntários do Corpo de Salvação Pública do Barreiro ficaram feridos hoje, ao final da manhã, na sequência do capotamento de uma viatura de combate a incêndios florestais, na Rua Miguel Bombarda, onde seguiam em marcha de urgência para uma ocorrência nas imediações do concelho.

O acidente aconteceu após o veículo ter saído do quartel e de uma rotunda, ambos situados na Avenida dos Fuzileiros Navais, em direcção ao centro da cidade, tendo criado limitações à circulação do trânsito naquela zona.

Os bombeiros da corporação foram transportados para o Hospital Nossa Senhora do Rosário, onde receberam assistência e os devidos cuidados médicos, havendo apenas a registar ferimentos ligeiros.

- PUB -

Quatro dos elementos que se encontravam no interior da viatura conseguiram sair pelos seus próprios meios, com um outro a necessitar de ser desencarcerado.

A operação de socorro mobilizou no total mais de 30 operacionais, tendo a PSP estado no local para ajudar a controlar o trânsito, que ficou interrompido durante várias horas.

O facto do tanque de água da viatura da corporação se encontrar cheio, poderá ter contribuído para a ocorrência.

- PUB -

Um dos carros que se encontrava estacionado na zona acabou por sofrer alguns danos, tendo uma grua de grandes dimensões auxiliado à retirada do veículo acidentado de uma das ruas mais movimentadas do Barreiro.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -