22 Setembro 2021, Quarta-feira
- PUB -
Início Local Santiago do Cacém Heliporto do Hospital do Litoral Alentejano em obras para obter certificação

Heliporto do Hospital do Litoral Alentejano em obras para obter certificação

Intervenção de 100 mil euros pretende reativar o equipamento, que deixou de funcionar por não respeitar as regras da Autoridade Nacional da Aviação Civil

 

- PUB -

O heliporto do Hospital do Litoral Alentejano (HLA), no concelho de Santiago do Cacém, está a ser alvo de uma empreitada de requalificação para permitir o seu uso oficial, num investimento de cerca de 100 mil euros.

A obra, a cargo da Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA), arrancou na semana passada com o objectivo de reactivar um equipamento que deixou de funcionar em Dezembro de 2018, por não respeitar as regras da Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC).

“Desde o acidente com o helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), a Autoridade Nacional da Aviação Civil reforçou a certificação dos heliportos que estavam a funcionar à data”, lembrou à agência Lusa a presidente do conselho de administração da ULSLA, Catarina Filipe.

- PUB -

O heliporto da ULSLA “estava mapeado, mas não estava certificado”, acrescentou. Com esta intervenção, a ULSLA pretende “criar as condições para propor a certificação do heliporto à ANAC”.

Os trabalhos incluem o corte da vegetação na zona envolvente à infra-estrutura, o rebaixamento de postes de iluminação, a revisão da sinalização, a regularização das zonas próximas e o revestimento de toda a área com pedra de enrocamento, indicou.

A empreitada, que tem um prazo de execução de dois meses, prevê também “a terraplanagem dos terrenos” para “facilitar a manobra de aproximação e descolagem do helicóptero” e a criação de “uma segunda saída de emergência” que vai obrigar a uma alteração significativa da entrada do Hospital do Litoral Alentejano.

- PUB -

Para que o processo de certificação fique concluído, será ainda necessária “a constituição de equipas de apoio permanente” ao heliporto, que ficará a cargo das quatro corporações de bombeiros do concelho de Santiago do Cacém, segundo a unidade local de saúde.

O heliporto, situado junto ao Serviço de Urgência, na entrada do Hospital do Litoral Alentejano, passará a “receber helicópteros em situação de emergência, minimizando o tempo de resposta no socorro dos doentes”, afiançou a ULSLA.

HYN / Lusa

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Burger King abre 12.° restaurante no Distrito de Setúbal

A marca Burger King aumentou para 12 o número de restaurantes que detém no Distrito de Setúbal, com a abertura de mais uma unidade...

Presidente da Fertagus diz que comboio até à Gare do Oriente depende do Estado

Ana Cristina Dourado afirma que a empresa tem objectivo de prolongar o serviço que termina na zona Roma-Areeiro

Homem desfigura prostituta à pancada em Grândola e foge do tribunal depois de apanhado a roubar carro

Dependente de cocaína, João Pratas responde agora por tentativa de homicídio com julgamento a decorrer no Tribunal de Setúbal   Sem dinheiro para satisfazer o vício...
- PUB -