14 Maio 2021, Sexta-feira
- PUB -
Início Local Palmela Sindicato não aceita aumentos de salários propostos pela administração da Autoeuropa

Sindicato não aceita aumentos de salários propostos pela administração da Autoeuropa

Administração da fábrica da Volkswagen em Palmela quer acordo que prevê aumentos salariais a três anos em função da taxa de inflação. Sindicato contesta 

- PUB -

 

A Autoeuropa mantém a intenção de preceder a actualizações salariais com base na taxa de inflação nos próximos três anos, revelou ontem Eduardo Florindo, coordenador do SITE-Sul, Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Actividades do Ambiente do Sul.

“Não houve qualquer evolução significativa por parte da Autoeuropa desde o passado mês de Março”, disse à agência Lusa Eduardo Florindo, após reunião realizada ontem com a administração da fábrica da Volkswagen em Palmela.

- PUB -

“A Autoeuropa continua a propor um acordo que prevê aumentos salariais a três anos em função da taxa de inflação, mas a discussão em torno dos aumentos deste ano ainda não está fechada”, acrescentou.

De acordo com o sindicalista do SITE-Sul, a fábrica de automóveis de Palmela, que teve o seu terceiro melhor ano de sempre em 2020, apesar de ter sido um ano de pandemia, “pode pagar mais aos seus trabalhadores”.

“Os responsáveis da fábrica de Palmela dizem que não podem viabilizar actualizações salariais mais elevadas para manter a competitividade, mas nós entendemos que o resultado alcançado em 2020 também se deve ao esforço dos trabalhadores. E consideramos que a proposta da empresa é insuficiente”, reiterou o sindicalista.

- PUB -

Em Março, o SITE-Sul já tinha acusado a Autoeuropa de ter apresentado uma “contraproposta vergonhosa”, com redução de rendimentos e regalias, em resposta às reivindicações dos trabalhadores.

Em comunicado distribuído ontem, o SITE-Sul reconhece que houve alguns avanços no processo negocial que está em curso e adianta que a Comissão de Trabalhadores já marcou reuniões plenárias para os próximos dias 13 e 14 de Maio.

“Vamos ter de esperar para ver se há a acordo e qual será a decisão dos trabalhadores da Autoeuropa”, disse o coordenador do SITE-Sul.

A administração da Autoeuropa, como é habitual, não presta declarações durante o processo negocial com a Comissão de Trabalhadores.

GR – Lusa

- PUB -

Mais populares

GNR desmantela maior rede de tráfico de amêijoa do Tejo em mega-operação com 200 militares

Operação resultou na detenção de seis homens e duas mulheres e na apreensão de 120 mil euros, 22 veículos e 14 embarcações   Um grupo de...

Luís Maurício: “Vamos fazer tudo para criar a polícia municipal”

Cabeça-de-lista do Chega à Câmara de Setúbal diz que concelho é inseguro e quer videovigilância em certas zonas da cidade   Luís Maurício, de 42 anos,...

Detidos em operação internacional de captura de amêijoa no Tejo são portugueses

Detidos serão presentes amanhã e quinta-feira ao tribunal do Montijo para 1.º interrogatório e aplicação das respectivas medidas de coacção   Os cinco detidos numa mega-operação...
- PUB -