21 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalSebastião da Gama vai além-fronteiras com apresentação oficial do seu “Diário” em...

Sebastião da Gama vai além-fronteiras com apresentação oficial do seu “Diário” em Itália

Obra do “Poeta da Arrábida” foi traduzida para italiano por Maria Antonietta Rossi, contando com prefácio do professor João Reis Ribeiro

 

- PUB -

O “Diário” de Sebastião da Gama foi ontem oficialmente apresentado em Itália, em encontro virtual, depois da linguista textual Maria Antonietta Rossi ter traduzido nos últimos meses a obra do “Poeta da Arrábida” para italiano. Perante o olhar atento de 41 pessoas, divididas entre os dois países, o professor e Mestre em Estudos Portugueses João Reis Ribeiro, autor do prefácio do livro, deu início à sua intervenção.

“Muitos excertos desta obra poderíamos ir buscar para testemunhar o entendimento que o jovem Sebastião, com 24 anos quando começou o Diário, tinha do que era ser professor ou das estratégias que seguiu para superar o quotidiano na sua relação com os alunos. De tal forma que esta obra espelha a reflexão e a busca de soluções com que um professor se confronta no espaço de uma aula”, começou por explicar.

Em seguida, deu a conhecer o testemunho de Gabriel Fernandes, um dos 31 alunos a entrar na narrativa. “A nós, leitores de hoje, que não tivemos o privilégio de conviver com Sebastião da Gama, impressiona-nos a precisão da análise e o registo fresco que a memória de Gabriel Fernandes mantinha, 56 anos depois das vivências a que se referia. Sebastião da Gama fora um professor marcante, que lançara sementes, que acompanhara a plantação, num jeito muito prático e muito seu de estar próximo e de se tornar presente”, revelou.

- PUB -

No entanto, no “Diário”, escrito entre “11 de Janeiro de 1949 e Março de 1950”, constam “não apenas questões relacionadas com a disciplina de Português que preencheram as páginas de Sebastião da Gama”, mas “também os ensinamentos para a vida, naquela margem que acontece fora das aulas”, esclareceu João Reis Ribeiro.

Para o professor, “o trabalho levado a cabo por Maria Antonietta Rossi, ao traduzir este “Diário”, é louvável”, uma vez que “aproxima as culturas portuguesa e italiana, divulga um testemunho que, apesar dos setenta anos que sobre ele passaram, continua a ser pertinente e válido e confere a Sebastião da Gama um estatuto que ele merece, chamando a atenção para a sua importância na educação da sensibilidade estética e na cultura portuguesa”.

- PUB -

A partir de Itália, intervieram igualmente Salvatore Patera, Mariagrazia Russo e Maria Serena Felici, da Università degli Studi Internazionali di Roma, Cristina Rosa, da Università degli Studi della Tuscia, e Fabrizio Bagatti, responsável pela Lorenzo De’ Medici Press, empresa que procedeu à tradução da obra.

Inauguração da Casa-Memória em contagem decrescente

A Casa-Memória em homenagem à paixão de Joana Luísa e Sebastião da Gama está a poucos dias de ser inaugurada, depois da habitação onde a viúva do poeta residiu, em Azeitão, ter recebido obras de reabilitação.

Os trabalhos, executados numa parceria entre a Câmara Municipal de Setúbal, a Junta de Freguesia de Azeitão e a Associação Cultural Sebastião da Gama, vão, assim, ser oficialmente apresentados no dia 10 de Abril.

O programa começa pelas 16h00, com a deposição de flores na estátua de Sebastião da Gama, situada na Praça da República (Rossio), em Vila Nogueira de Azeitão. Pelas 16h15, por sua vez, dá-se início a uma romagem com destino ao Cemitério de Azeitão, para colocação de um ramo na sepultura do poeta.

A inauguração da Casa-Memória Joana Luísa e Sebastião da Gama acontece em seguida, pelas 16h30, momento esperado há largos meses. No local passam a estar expostos todos os manuscritos de Sebastião da Gama, assim como as medalhas que recebeu após a sua morte, em 1952.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Pinhalnovense sem jogadores para jogar fez falta de comparência

A 12.ª jornada do Campeonato de Portugal ficou marcada pela falta de comparência do Pinhalnovense no jogo que deveria disputar em casa com o...

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Pinhalnovense não tem jogadores para ir a jogo no próximo domingo

No Campeonato de Portugal a situação está muito complicada para os clubes da região porque o Barreirense está numa posição delicada na tabela classificativa...
- PUB -