10 Maio 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Local Palmela Federação Portuguesa de Dadores de Sangue presta homenagem a Álvaro Amaro

Federação Portuguesa de Dadores de Sangue presta homenagem a Álvaro Amaro

Autarca é dador regular e tem contribuído para dinâmica da causa no concelho

- PUB -

Álvaro Amaro, presidente da Câmara de Palmela, recebeu este fim-de-semana o ‘Coração de Serviços Distintos’ da Federação Portuguesa de Dadores Benévolos de Sangue (FEPODABES) pelo contributo que tem dado, como dador e como autarca, à causa da dádiva de sangue.

“Em nome de todas as vidas que salvou, agradecemos o seu altruísmo”, transmitiu a presidente do Instituto Português do Sangue, em mensagem enviada à sessão de homenagem promovida pela FEPODABES na Biblioteca Municipal de Palmela, integrada no Dia Nacional do Dador de Sangue.

Com 59 anos de idade, Álvaro Amaro, que já deu sangue mais de 40 vezes, tornou-se dador por ocasião de um problema de saúde da mãe e, como autarca, tem contribuído para a dinâmica e visibilidade desta causa. A federação agradeceu o apoio do município e destacou a existência de três associações de dadores de sangue no concelho, no Pinhal Novo, Palmela e Poceirão.

- PUB -

“O Dr. Álvaro Amaro é um emblema que podemos levar para todo o país”, disse Alberto Mota, presidente da FEPODABES. O responsável referiu ainda que a direcção da federação fez questão prestar esta homenagem antes de terminar o mandato, cujo final está por dias.

O homenageado agradeceu “humildemente” a distinção, dizendo que é apenas “um entre muitos” e assegurou a continuação do seu “incondicional apoio” à causa e às associações de dadores. Álvaro Amaro enalteceu o papel da federação e das associações, pelo “mérito incontestável” e pela “resiliência” que têm mostrado.

“Se não fossem as associações, as minhas dádivas e as de outros seriam intermitentes”, reconheceu o autarca para quem o concelho deve “orgulhar-se das três associações de dadores” e do trabalho que os seus dirigentes e voluntários fazem.

- PUB -

Para Ana Teresa Vicente, presidente da Assembleia Municipal, o reconhecimento feito a Álvaro Amaro é “inteiramente justo” porque se trata de “um exemplo de autarca do nosso país”.

A antiga presidente da Câmara Municipal também louvou e agradeceu o trabalho das associações de dadores.

 

Autarca pede a Presidente da República para agraciar dadores

Álvaro Amaro frisou que o “compromisso regular” com a dádiva de sangue é uma divida que o país tem para com as associações de dadores e defendeu que esse reconhecimento deve ser feito pelo Presidente da República.

O autarca revelou que já recomendou, ao Presidente da República, várias vezes e por diversas formas, a atribuição dessa distinção, à Federação de Dadores de Sangue, e que recebeu resposta de Belém que o assunto “não está esquecido”.

 

 

- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Sindicato não aceita aumentos de salários propostos pela administração da Autoeuropa

Administração da fábrica da Volkswagen em Palmela quer acordo que prevê aumentos salariais a três anos em função da taxa de inflação, sindicato contesta

Empresa dedicada à comercialização de canábis chega a Setúbal com nova unidade no parque BlueBiz

Espaço servirá para pós-colheita da planta medicinal. Produtora escolheu a cidade sadina “por possuir excelentes acessibilidades e oferecer flexibilidade nas suas instalações”   A empresa Clever...
- PUB -