8 Maio 2021, Sábado
- PUB -
Início Local Setúbal Rotunda frente ao Hospital de Setúbal terá homenagem aos profissionais de saúde

Rotunda frente ao Hospital de Setúbal terá homenagem aos profissionais de saúde

Inauguração da obra do ceramista e escultor Nikolay Amzov está prevista para o dia 25 de Abril

 

- PUB -

A rotunda do Largo Miguel Bombarda, frente ao Hospital de São Bernardo, será em breve ornamentada com uma fonte de água e uma escultura da autoria do ceramista e escultor Nikolay Amzov.

“Chamamos-lhe a fonte luminosa e vai ter uma peça escultórica no meio. A fonte está praticamente pronta. Estamos a apontar para que no dia 25 de Abril a possamos inaugurar e será ainda descerrado um elemento escultórico de homenagem aos profissionais de saúde”, começa por Maria das Dores Meira, presidente da Câmara Municipal de Setúbal, a O SETUBALENSE. “Tem sido uma obra um bocadinho problemática porque quando se está a falar de água que vai caindo de patamar para patamar não pode ser uma construção frágil. Teve de levar muito betão e tem muitas bombas por baixo para fazer funcionar os repuxos”, adianta.

- PUB -

This slideshow requires JavaScript.

A intervenção pretende ainda fazer “uma homenagem ao Serviço Nacional de Saúde”. “A todos os profissionais que trabalham todos os dias para nos tratarem da saúde nestes dias mais difíceis, em que trabalharam sem parar e sem descansar, para que os danos desta pandemia fossem menores”.

Dos elementos de cerâmica coloridos aos repuxos de água

- PUB -

A ideia para esta rotunda surgiu de um desafio lançado pela autarca a Luís Paixão, autor do projecto, durante a apresentação da obra de Nikolay Amzov em exposição realizada em 2016 no Parque do Bonfim. Para a presidente da autarquia sadina, “as peças do escultor expostas com um metro e meio poderiam ser ampliadas para dimensões urbanas adequadas e colocadas numa das rotundas que têm sido executadas em Setúbal”.

As esculturas escolhidas, “cuja configuração adopta uma geometria fluida e inédita, revelando um grau de complexidade invulgar”, fazem parte das sequências do escultor ligadas “ao enigma alquímico da passagem da esfera ao ovo”. Numa primeira fase, apenas será instalada a escultura maior. Revestidas de elementos cerâmicos com uma gama variada de cores, as três peças inserem-se “numa geometria simples e rectilínea” de modo a valorizar “a riqueza plástica das esculturas”. A água, elemento simbólico ligado às emoções, foi escolhida como suporte horizontal e reflexo das peças numa alusão ao relato do ‘Genesis’.

A obra, que pretende “contribuir para a harmonização da imagem urbana de Setúbal”, conta ainda com “amarrações estruturais nos maciços de betão das peças escultóricas, a terem uma presença mínima de modo a reforçar a ideia de ‘criação sobre as águas’”. A altura dos repuxos no local “vai crescendo entre a peça menor, a esfera e a peça maior, o ovo”.

A reciclagem da água será assegurada por um tanque de recuperação mais profundo e por uma central de bombagem localizada numa cave do tanque superior. A iluminação garantida por oito pontos de luz em cada peça colocados e por um ponto de luz em cada repuxo. Exteriormente, serão colocados pontos de luz para iluminar o conjunto. Um led contínuo iluminará as quedas de água.

O arranjo paisagista íntegra igualmente as árvores existentes, dois salgueiros e três loureiros com a superfície inferior em relva. No lado oposto, será usado o mesmo critério com a colocação de três ciprestes.

- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Sindicato não aceita aumentos de salários propostos pela administração da Autoeuropa

Administração da fábrica da Volkswagen em Palmela quer acordo que prevê aumentos salariais a três anos em função da taxa de inflação, sindicato contesta

Empresa dedicada à comercialização de canábis chega a Setúbal com nova unidade no parque BlueBiz

Espaço servirá para pós-colheita da planta medicinal. Produtora escolheu a cidade sadina “por possuir excelentes acessibilidades e oferecer flexibilidade nas suas instalações”   A empresa Clever...
- PUB -