17 Abril 2021, Sábado
- PUB -
Início Local Almada Almada investe mais de 300 mil euros para melhorar entrada na Costa...

Almada investe mais de 300 mil euros para melhorar entrada na Costa de Caparica  

O final do IC20 vai receber uma rotunda a substituir o actual complicado cruzamento à entrada da cidade

 

- PUB -

A entrada da Costa de Caparica, no troço final da via rápida IC20, vai receber uma rotunda a substituir o actual cruzamento, numa obra que visa também criar um acesso alternativo às praias. O objectivo do projecto, para além de “dignificar a entrada” na cidade atlântica do concelho de Almada, visa também “tirar carga de trânsito do centro” da localidade, diz a presidente da Câmara de Almada, Inês de Medeiros.

A intervenção implica um investimento municipal na ordem dos 302 mil euros, o qual será cofinanciado pela Infraestruturas de Portugal, entidade responsável pelo IC20, que passou para o domínio da autarquia o troço entre a última curva desta via rápida, junto ao cemitério, e o final da mesma.

- PUB -

A melhoria da entrada na cidade vai passar a ser de tipologia de estrada municipal e, adianta já a presidente, “vai manter o embelezamento com as palmeiras que existem actualmente” e “acrescenta melhorias”. O projecto pondera ainda criar um acesso, antes da rotunda a construir, que deverá ligar à zona da Torre das Argolas de forma a evitar que o trânsito em direcção às praias para sul flua sem passar por dentro do miolo urbano, situação que, principalmente durante o Verão, gera grande pressão automóvel, particularmente junto ao mercado municipal.

“Não serão construídas novas estradas, o que vai ser feito assenta nas vias já existentes”, afirma o vereador Miguel Salvado, responsável pela rede viária municipal, salvaguardando assim preocupações que por vezes se manifestam quando se fala de vias na Costa de Caparica. Acrescenta o autarca que no final do IC20 vai ser também reorganizado o sistema no subsolo dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento.

Entretanto, avança a presidente da câmara que está a ser estudado o espaço canal para a Costa de Caparica receber o Metro Sul do Tejo, um modo de transporte rápido e não poluente que atravessa o centro urbano da cidade de Almada e que tanto população como autarcas desejam ver o prolongamento da linha. Mas, tal como já disse o presidente da Junta de Freguesia da Costa de Caparica, José Ricardo Martins, também Inês de Medeiros afirma que não quer o metro a atravessar o espaço urbano. “Não concordo com o MST a dar a volta por dentro da cidade da Costa”.

- PUB -

O lançamento da empreitada para execução da primeira fase do projecto de “Acessibilidades à Costa da Caparica – troço final do IC20 e acesso alternativo às praias” foi aprovado por unanimidade na reunião de câmara de 1 de Março.

- PUB -

Mais populares

Mercadona confirma supermercado no Montijo igual ao de Setúbal

Marca vai investir milhões de euros nos dois concelhos. Futuras superfícies comerciais vão ter 1 900 metros quadrados de área de venda   A expansão da...

“Vitória já garantiu uma subida de divisão contra todos os arautos da desgraça”

Depois de assegurar a Liga 3, Vitória aponta ao 1.º lugar no ‘play-off’ para subir à II Liga

Mulher degolou idoso em bairro de lata no Seixal e queixou-se de violação

Sem-abrigo está a ser julgada pelo homícidio do homem de 68 anos, depois deste ter sido encontrado morto em Santa Marta do Pinhal   Tânia Rodrigues,...
- PUB -