29 Novembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalBarreiroHospital do Barreiro: Utentes voltam a defender fim de pagamento do estacionamento

Hospital do Barreiro: Utentes voltam a defender fim de pagamento do estacionamento

Novo protesto marcado para esta quinta-feira

 

- PUB -

A Comissão de Utentes dos Serviços Públicos do Barreiro tem agendada para esta quinta-feira, a partir das 08h00, a acção “Não ao pagamento de estacionamento no Centro Hospitalar Barreiro-Montijo”, que tem por objectivo protestar contra a continuação da cobrança desta tarifa aos utilizadores daquele parque e defende “o livre acesso dos trabalhadores ao hospital público, sem custos acrescidos para quem tem de desempenhar as suas funções no Serviço Nacional de Saúde”.

Entre as reivindicações da comissão está ainda o livre acesso a toda a população que tem de ter assistência naquele estabelecimento hospitalar, assim como “o fim do negócio do estacionamento em terrenos de domínio público”, defendendo que os “trabalhadores e utentes já pagam os seus impostos” e que “não têm de ser mais penalizados” quando vão exercer a sua actividade profissional ou cada vez que são assistidos no hospital.

“A Saúde e Trabalho são um direito não um negócio!”, lembram, num evento que garantem “respeitará as exigências de higiene e segurança dos tempos que vivemos”, pelo que os participantes terão de respeitar tomas as normas emanadas pela Direcção-Geral de Saúde, relativas à pandemia Covid-19.

- PUB -

A iniciativa conta ainda com a participação de membros da União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN e do Sindicato da Função Pública, Enfermeiros Portugueses e Hoteleiros do Sul.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Área Metropolitana de Lisboa assegura transporte rodovidário sadino até chegada da Carris Metropolitana

É necessário "dar continuidade às Autorizações Provisórias até a entrada do novo operador, de forma a evitar a ruptura dos serviços públicos de transporte rodoviário de passageiros no concelho de Setúbal"
- PUB -