1 Fevereiro 2023, Quarta-feira
- PUB -
InícioDesportoLito Vidigal reclama mais de 200 mil euros ao Vitória

Lito Vidigal reclama mais de 200 mil euros ao Vitória

Antigo treinador do Vitória colocou a SAD em tribunal e reclama uma dívida de 200 mil euros. Processo deu entrada na semana passada e poderá resultar em penhoras

 

- PUB -

O Vitória não terá honrado os compromissos com Lito Vidigal, treinador que orientou a equipa principal nos últimos quatro jogos da época passada. De acordo com um processo que deu entrada no Tribunal Judicial da Comarca de Setúbal, que pode ser consultado no portal Citius, o técnico de 51 anos reclama uma dívida de mais de 200 mil euros à SAD. Lito Vidigal orientou o conjunto setubalense nos jogos frente a Desportivo das Aves, Famalicão, Sporting e Belenenses SAD e não renovou o contrato com os sadinos no final da época, sendo posteriormente apresentado no Marítimo.

Pela altura da sua chegada ao Bonfim, Lito Vidigal terá assinado um acordo que previa o pagamento de um prémio monetário – cujo montante não foi revelado – caso os setubalenses conseguissem a permanência e esse objectivo foi alcançado na derradeira jornada com o triunfo por 2-0 frente ao Belenenses SAD.

Contudo, os vitorianos viriam a ser despromovidos na secretaria alguns dias depois, com a Liga a chumbar o licenciamento nos campeonatos profissionais. Quanto ao valor de 200.482,19 euros reclamado pelo treinador em tribunal, é incerto se este é referente ao prémio anteriormente mencionado ou a dívidas anteriores, uma vez que o técnico já tinha passado pelo Bonfim entre Junho de 2018 e Janeiro de 2019.

- PUB -

Nessa temporada, acabou por rescindir com os sadinos em Janeiro, sendo substituído por Sandro Como treinador do Vitória, Lito Vidigal liderou a equipa em 28 ocasiões VFC Mendes no comando técnico. O clube dispõe de vinte dias para se opor à execução da dívida, caso contrário o processo terá o desenvolvimento normal e o agente de execução António Raposo Preto poderá pedir a penhora de bens da SAD como forma de garantir o pagamento.

Como treinador do Vitória, Lito Vidigal liderou a equipa em 28 ocasiões, arrecadando oito vitórias, seis empates e 14 derrotas. No currículo conta ainda com passagens por Portosantense, Elvas, Ribeirão, Estrela da Amadora, Portimonense, União de Leiria, AEL Limassol, Al-Ittihad, Belenenses, Maccabi Tel-Aviv, Arouca, Desportivo das Aves, Boavista e prepara-se para a estreia ao leme do Marítimo. Historial de dívidas Esta alegada dívida a Lito Vidigal é mais uma numa longa lista, cujos valores totais ascendem aos 25 milhões de euros.

Em Junho deste ano a administração anunciou a aprovação de um novo Plano Especial de Revitalização, revelando que “a direcção assumiu uma nova forma de negociação, permitindo que grande parte da dívida não fosse cumprida em regime prestacional, mas considerando também receitas extraordinárias”. No anterior PER em vigor, cujos credores foram tornados públicos, encontravam-se nomes de vários antigos jogadores e treinadores, entre eles José Mota, José Couceiro ou Domingos Paciência.

- PUB -

Mais recentemente, de acordo com o jornal Record, o clube terá também ficado em dívida para com Sandro Mendes, que terá apresentado uma queixa junto da Liga pela falta de um pagamento de 22 500 euros em salários. Esse terá sido um dos motivos que levaram a Liga a rejeitar a inscrição do emblema setubalense nos campeonatos profissionais.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.

Sexta-feliz chega ao concelho para dar “mais tempo” aos funcionários

PartYard decidiu dar as tardes de sexta-feira aos trabalhadores para melhorar o seu rendimento
- PUB -