3 Outubro 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioÚltimasAcidente com parapente no Meco faz um morto e dois desaparecidos

Acidente com parapente no Meco faz um morto e dois desaparecidos [galeria de fotos]

Vítima mortal é um homem de 45 anos, praticante de parapente que caiu no mar. Desaparecidos são um homem e uma mulher, com cerca de 30 anos, que tentaram salvar a vítima. Todos os envolvidos são cidadãos austríacos

This slideshow requires JavaScript.

- PUB -

Um cidadão austríaco morreu esta segunda-feira e duas pessoas estão desaparecidas devido a um acidente quando praticavam parapente junto à praia do Meco, em Sesimbra, disse à agência Lusa o capitão do porto de Setúbal, Luís Lavrador.

Segundo o responsável pela capitania de Setúbal, a vítima mortal é um homem, de 45 anos, que foi resgatado em paragem cardiorrespiratória e que ainda foi sujeito a manobras de reanimação, mas não sobreviveu.

Luís Lavrador referiu ainda que, tal como a vítima mortal do acidente, os dois desaparecidos – um homem e uma mulher, ambos com cerca de 30 anos, também de nacionalidade austríaca – integravam um grupo que se deslocou a Portugal para a prática da modalidade.

- PUB -

Segundo informação da Autoridade Marítima Nacional, dois dos praticantes já tinham concluído a descida quando o terceiro elemento do grupo, uma mulher, caiu dentro de água.

“Os dois elementos tentaram de pronto socorrer a senhora, tendo eles também acabado por ser envolvidos no acidente”, refere um comunicado da Autoridade Marítima.

Inicialmente a Marinha referiu que duas das três vítimas que tinham “aterrado no mar” já teriam sido resgatadas, mas, segundo o capitão do porto de Setúbal, até pouco antes das 14:00 só tinha sido efectivamente resgatada uma pessoa e as outras duas continuavam desaparecidas.

- PUB -

Para as operações de busca foram mobilizados duas lanchas (uma da Polícia Marítima e outra do Instituto de Socorros a Náufragos), uma moto 4 deste instituto, uma viatura dos Bombeiros Voluntários de Sesimbra, três ambulâncias, uma viatura médica e um psicólogo do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), um helicóptero EH-101 da Força Aérea Portuguesa e mergulhadores.

Lusa

Fotos: AF

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Acidente de trabalho com um reboque faz um morto e um ferido

Vitimas estavam a trabalhar debaixo da estrutura que lhes caiu em cima
- PUB -