11 Maio 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Local Setúbal Programa de alerta às alterações climáticas regressa com novas actividades às escolas...

Programa de alerta às alterações climáticas regressa com novas actividades às escolas sadinas

Uma das novidades passa pelo “envolvimento dos alunos do 1.º ciclo com o Sal, uma raposa vermelha da Serra da Arrábida

A Câmara Municipal de Setúbal retoma agora o seu programa de alerta para os riscos das alterações climáticas com novas actividades nas escolas do concelho, “depois de uma interrupção motivada pelas medidas de contenção da pandemia”, explicou a autarquia em comunicado. A iniciativa “Mês dos Riscos e das Alterações Climáticas” tem como objectivo sensibilizar a população para a importância da adopção de comportamentos ‘amigos’ do planeta, no sentido de mitigar os riscos resultantes das actuais alterações climáticas registadas.

- PUB -

Uma das novidades nesta nova fase passa pelo “envolvimento dos alunos do 1.º ciclo do ensino básico com o mais recente membro da equipa da Protecção Civil Municipal de Setúbal, o Salvador, ou Sal para os amigos, uma raposa vermelha da Serra da Arrábida”. “O Sal chega a Azeitão no decorrer desta semana, e posteriormente a todas as escolas do concelho, em formato vídeo, para acompanhar a entrega de um Kit de Emergência em Protecção Civil aos alunos dos 3.º e 4.º anos de escolaridade”.

Por sua vez, até ao final do presente ano lectivo, prevê-se que “a programação chegue aos Agrupamentos de Escolas Luísa Todi, Bocage e Ordem de Sant’Iago, embora dependente da evolução da pandemia”.

Implementada no âmbito do projecto “Comunicação e Sensibilização em Cenários de Risco Associados às Alterações Climáticas”, a acção conta “com financiamento comunitário do PO SEUR, através do Portugal 2020”. Arrancou em Janeiro do ano passado, tendo já diversas actividades desenvolvidas, como “a pintura de murais nas escolas Básica de Aranguez e Básica e Secundária Lima de Freitas e a entrega de kits de emergência no Agrupamento de Escolas Sebastião da Gama e na Escola Básica e Secundária Lima de Freitas”.

- PUB -

O projecto, interrompido desde Março de 2020, regressou no passado mês com as “necessárias adaptações”. A primeira iniciativa desenvolvida foi “a pintura do mural “Perigo da perda da biodiversidade”, igualmente pelo artista Smile, na Escola Básica de Azeitão”.

O projecto conta com a participação “do Centro Hospitalar de Setúbal, do Agrupamento de Centros de Saúde Arrábida, da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal, do Instituto Ricardo Jorge – Polo de Águas de Moura e da ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida”. “Este programa, que converge com a Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas para gerar participação, divulgação e sensibilização junto da população sobre a problemática, inclui os contributos da Companhia de Bombeiros Sapadores de Setúbal e da Polícia Marítima”.

- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Luís Maurício: “Vamos fazer tudo para criar a polícia municipal”

Cabeça-de-lista do Chega à Câmara de Setúbal diz que concelho é inseguro e quer videovigilância em certas zonas da cidade   Luís Maurício, de 42 anos,...

Porto de Setúbal: Tersado recebe grua de última geração

A nova grua está optimizada para navios da classe Panamax, permitindo subir e descer as cargas a uma velocidade até 120 metros por minuto   A...
- PUB -