8 Maio 2021, Sábado
- PUB -
Início Sociedade Fórum pretende colocar Setúbal a pensar na saúde

Fórum pretende colocar Setúbal a pensar na saúde

A iniciativa arrancou no início deste mês de Fevereiro, com um ciclo de debates, que vai prolongar-se no tempo. A 8 de Abril, serão apresentados o perfil e o plano de desenvolvimento do município setubalense para a área da saúde

 

- PUB -

O Fórum Saúde “Setúbal a Pensar em Si”, que procura constituir-se como “um novo espaço de reflexão e partilha de conhecimento nesta área da sociedade”, tem a sua primeira edição marcada para dia 8 de Abril. Nesta data, serão apresentados o Perfil de Saúde de Saúde e o Plano de Desenvolvimento Local de Saúde, mas esta é uma iniciativa que não se circunscreve ao fórum. Organizado pelo Município de Setúbal em parceria com diversas entidades locais, é antecedido de um conjunto de debates, que se têm vindo a realizar desde o início do mês de Fevereiro e que terão a sua continuidade no futuro – em formato digital, com oradores convidados e abertos à participação da população.

A promoção de estilos de vida saudável, o modo como funciona a comunicação em saúde e as desigualdades no acesso à mesma são alguns dos temas em destaque.

Presente na comissão organizadora do Fórum Saúde está o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), representado pela Direcção Regional da Conservação da Natureza e Florestas de Lisboa e Vale do Tejo. De acordo com a entidade, “a representação no fórum tem sido assegurada pessoalmente por um membro da equipa de direcção, dada a importância do tema nos dias actuais, que se tem encarregado de contactar especialistas em temas que possam ter uma ligação directa entre o património natural e a saúde”.

- PUB -

“O contributo das áreas protegidas para a promoção da saúde e da actividade física (de uma oferta recreativa aos METs)” é um dos temas levados a debate, apresentado pelos investigadores da Universidade Nova de Lisboa e Universidade de Lleida, da Cataluña, Rui Pedro Julião e Ricardo Nogueira Mendes.

O ICNF propôs ainda outros temas ligados à avifauna e aos bivalves do Estuário do Sado, assim como às plantas medicinais e orquídeas do Parque Natural da Arrábida. Sobre estas matérias será feito um webinar específico, que contará com a presença de investigadores do MARE-FCUL, ISA e de técnicos do ICNF.

A saúde pelos olhos de quem a ensina

- PUB -

Logo que chegou o convite da Câmara Municipal de Setúbal, o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) apresentou a sua disponibilidade para ser uma parte activa neste evento. Integra a Comissão Organizadora e Científica, bem como os grupos de trabalho para acompanhamento da elaboração do perfil de saúde e do plano de desenvolvimento. O IPS tem apresentado propostas de temas e oradores a abordar nas diferentes iniciativas, entre os debates e o próprio fórum, recorrendo também aos contributos e know-how técnico do seu corpo docente.

Nas palavras de Carlos Mata, vice-presidente da instituição e membro da Comissão Científica e da Comissão Organizadora do Fórum Saúde “Setúbal a Pensar em Si”, “este evento permite o debate e a partilha de investigações, práticas sobre as problemáticas em questão, onde os diferentes actores do território podem reflectir em conjunto sobre a actual situação e sobre o que pode ser efectuado para melhorar ao nível da saúde na cidade de Setúbal”. No que diz respeito às expectativas, o IPS espera que “seja uma iniciativa participada, que contribua para uma cidade/comunidade mais sustentável, inclusiva, promovendo o bem-estar de todos, independentemente da idade, e a promoção de um estilo de vida mais saudável” e considera que iniciativas com estas características “potenciam o trabalho em rede e todas as sinergias profícuas que daí podem advir”.

Para além do professor Carlos Mata, também a professora Ana Paula Gato, docente da Escola Superior de Saúde (ESS/IPS), integra o grupo de trabalho que irá acompanhar a elaboração do Perfil de Saúde. Os docentes Ana Lúcia Ramos e Eduardo Cruz, da Escola Superior de Saúde, por seu turno, participam no grupo de trabalho que acompanha a elaboração do Plano de Desenvolvimento de Saúde. Carlos Mata frisa ainda “a colaboração dos docentes enquanto oradores nas diferentes iniciativas – debates e Fórum – da Escola Superior de Saúde, da Escola Superior de Educação e da Escola Superior de Ciências Empresariais”.

Temas dos debates:

– Estado de Saúde e Promoção de Estilos de Vida Saudável.
– Comunicação em Saúde.
– Desigualdades no Acesso à Saúde.
– Território e Planeamento Urbano: O potencial salutogénico do património natural e construído.
– Recursos da Comunidade enquanto Determinantes de Saúde.
– Participação: Experiências de Cidadania Activa enquanto promotora de Saúde Física e Mental.

Modelo dos debates:

– Os debates serão online sendo a participação e visualização livres para o público em geral.
– Cada debate terá entre 4 e 6 oradores que farão uma comunicação de cerca de 10 minutos, podendo partilhar documentos. Os oradores estarão em locais diferentes e participam online.
– O público pode colocar questões por escrito, através de chat.
– Será proporcionado um debate, de cerca de 60 minutos, com a participação dos oradores.
– Início às 16h00, com duração de duas a três horas.

Integram a Comissão Organizadora:

– Câmara Municipal de Setúbal
– Juntas de Freguesia do Município de Setúbal
– Agrupamento de Centros de Saúde Arrábida
– Centro Hospitalar de Setúbal
– Instituto Politécnico de Setúbal
– Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas
– Hospital da Luz de Setúbal
– Associação Nacional de Farmácias
– Conselho Municipal de Educação de Setúbal
– Conselho local de Acção Social de Setúbal
– Serviço Municipal de Protecção Civil e Bombeiros de Setúbal
– Associação Industrial de Setúbal
– Confederação Portuguesa de Pequenas e Médias Empresas.

 

- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Sindicato não aceita aumentos de salários propostos pela administração da Autoeuropa

Administração da fábrica da Volkswagen em Palmela quer acordo que prevê aumentos salariais a três anos em função da taxa de inflação, sindicato contesta

Empresa dedicada à comercialização de canábis chega a Setúbal com nova unidade no parque BlueBiz

Espaço servirá para pós-colheita da planta medicinal. Produtora escolheu a cidade sadina “por possuir excelentes acessibilidades e oferecer flexibilidade nas suas instalações”   A empresa Clever...
- PUB -