5 Julho 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioSociedadeConcurso da Coca-Cola contra o lixo marinho premeia estudo do Instituto Superior...

Concurso da Coca-Cola contra o lixo marinho premeia estudo do Instituto Superior Técnico

Das 30 candidaturas ao prémio ibérico, oito são projectos portugueses

 

- PUB -

A terceira edição do concurso ibérico ‘Mares Circulares’, promovido pela Coca-Cola com coordenação da Associação Chelonia e apoio da Liga para a Proteção da Natureza (LPN), premiou três estudos científicos e uma start-up, entre os quais um projecto do Instituto Superior Técnico de Lisboa (ISTL), anunciou na segunda-feira a empresa que tem fábrica em Azeitão, Setúbal.

O estudo de Maria Teresa Ferreira Cesário, da Associação do Instituto Superior Técnico para a Investigação e Desenvolvimento (Lisboa), “Valorização de macroalgas inteiras e residuais a bioplásticos e ingredientes proteicos sustentáveis para aplicação em alimentação aquática” utiliza resíduos de algas usadas na extração de hidrocoloides para a produção de bioplásticos biodegradáveis (PHAs). Esta iniciativa visa também extrair uma proteína de algas para ser utilizada como ingrediente proteico na alimentação de peixes.

Os prémios, de 5.400 euros cada e de 5.000 euros de capital para a start-up, serve para que os investigadores possam continuar a desenvolver iniciativas de combate aos resíduos marinhos.

- PUB -

Os outros dois projectos vencedores são “Energy recovery of microplastics in hotspots in the Macaronesia (VALORIZAMAC)”, dirigido por Javier Hernández Borges, da Universidade de La Laguna (Santa Cruz de Tenerife), e “Plumbum”, liderado por uma equipa da Associação Hippocampus composta por Juan Diego López Giraldo e José Luis Alcaide Sanjurjo (Murcia), pretende minimizar a presença de um metal pesado como o chumbo no fundo do mar, principalmente devido à perda de armadilhas e equipamentos de pesca.

Na categoria de start-ups, o prémio foi para “FYCH: Start-up de base tecnológica dedicada ao desenvolvimento e comercialização de uma nova tecnologia para reciclar embalagens de multicamadas”, apresentado por Andrea Cabanes Gil e promovido pelos parceiros da start-up: Andrea Cabanes, Oksana Horodytska, Andrés Fullana e a Alicante Science Park Foundation.

O projecto Mares Circulares, promovido pela Coca-Cola em Portugal e Espanha e co-financiado pela The Coca-Cola Foundation, integra a prevenção, a recolha, a sensibilização para combater a problemática do lixo marinho, e este ano, apesar da pandemia, já recolheu um total de 254,54 toneladas de resíduos, das quais quase 3 toneladas são PET, e que já envolveu 5.663 pessoas, sobretudo jovens.

- PUB -

Márcio Cruz, director de Relações Externas, Comunicação e Sustentabilidade da Coca-Cola European Partners (CCEP) Portugal salienta a importância de Mares Circulares em Portugal por ser “um projeto que apoia a investigação e a actuação na procura de soluções para combater o lixo marinho, uma das grandes preocupações da atualidade, numa lógica de economia circular. É um compromisso que assumimos como prioritário no nosso país.”

Já Ana Gascón, diretora de Responsabilidade Corporativa da Coca-Cola Iberia, assegura que a marca está “firmemente” empenhada em assegurar que “nenhuma das nossas embalagens acabe como resíduo, mas seja integrada de novo no ciclo de produção como matéria-prima”.

“Com o Mares Circulares estamos firmemente empenhados em promover a investigação e desenvolvimento de soluções científicas que ofereçam uma resposta viável para o problema dos resíduos marinhos. Porque apostar na investigação é apostar no futuro, um futuro mais sustentável para todos.”, acrescenta.

Para o Presidente da Direção Nacional da LPN, Jorge Palmeirim, “é muito importante continuarmos a procurar mais e melhores soluções para enfrentar a problemática do lixo marinho, sobretudo numa perspetiva preventiva e de estímulo à economia circular. O concurso Mares Circulares permite não só valorizar projetos inovadores, mas também mostrar que existem pessoas e entidades, de várias áreas, que se dedicam ativamente a esta causa.”

 

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Programa Festas Populares São Pedro Montijo 2022

Consulte o programa na íntegra das Festas Populares de São Pedro, que arrancam na terça-feira (28 de Junho)

PSP deteve em flagrante homem a furtar catalisadores

Dono de uma das viaturas alertou a PSP, que conseguiu interceptar o indivíduo no local

Morte da menina de três anos vítima de maus-tratos provocada por mais de 50 pancadas

Autópsia a Jéssica Biscaia revela deslocamento do crânio e lesões internas fatais. Mãe pode vir a ser constituída arguida
- PUB -