27 Junho 2024, Quinta-feira

- PUB -
Fernando Pedrosa: Um presidente respeitável e respeitado

Fernando Pedrosa: Um presidente respeitável e respeitado

Fernando Pedrosa: Um presidente respeitável e respeitado

11 Setembro 2022, Domingo
Francisco Alves Rito

Fernando Pedrosa é uma figura de Setúbal e do Vitória FC, a quem não devia ser negada a possibilidade de uma despedida pública

 

Quando recordava a história do Vitória FC, que ajudou a fazer grande, Fernando Pedrosa recorria invariavelmente a uma ideia, a de que foi sempre um clube “respeitável e respeitado” e esta distinta classificação adequa-se ao grande presidente como uma luva.

- PUB -

Fernando Pedrosa foi o Presidente do Vitória FC, aquele que fica como um símbolo do bom dirigismo no clube e uma referência da elevação moral no exercício de cargos desportivos.

O período de ouro que liderou no Bonfim, com resultados desportivos e conquistas estruturais, torna-o um símbolo da capacidade de realização e a elevação com que exerceu o cargo fez dele uma referência que continuará a exercer uma influência positiva nas actuais e futuras gerações de dirigentes, pelo exemplo inspirador.

A obra de Fernando Pedrosa permanecerá na memória colectiva assim como o seu eterno amor ao clube. Ainda nos dois últimos anos, foram vários os gestos de dedicação, como o contributo que deu para que se encontrasse estabilidade directiva. Participou em vários encontros e diligencias e emprestou o seu prestígio, ao lado de nomes igualmente respeitáveis, como os de Carlos Cardoso ou Rogério Vaz de Carvalho, para que o Vitória pudesse finalmente encontrar a paz social. Sem a sua ajuda, provavelmente não haveria hoje órgãos directivos a funcionar há praticamente dois anos.

- PUB -

Fernando Pedrosa era também um dos históricos dirigentes do futebol português. Intimo dos poderosos, dos presidentes dos chamados “grandes”, soube sempre fazer-se ouvir e respeitar, mantendo imaculado o nome do Vitória FC e engrandecendo o prestígio de Setúbal.

Por tudo isto, Fernando Pedrosa é uma figura de Setúbal e do Vitória FC, a quem não devia ser negada a possibilidade de uma despedida, desejavelmente com velório no Bonfim. A confirmar-se um funeral apenas privado, fica em divida uma homenagem pública que corresponda à dimensão da sua importância para a comunidade e cumpra aquela que seria certamente a vontade do próprio.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

, Médico
26/06/2024
, Ex-bancário, Corroios
25/06/2024
- PUB -
- PUB -