14 Abril 2024, Domingo
- PUB -
InícioOpiniãoO Destino dos Nossos Impostos

O Destino dos Nossos Impostos

Os últimos anos tem sido desafiantes para a humanidade em que as empresas, face ao desafio das alterações climáticas, tiveram de se adaptar ás exigências do mercado, o que implicou a alteração de custos de produção e prestação de serviços, e que deu também origem ao aparecimento de concorrência empresarial, onde a qualidade muitas vezes não é exigência.
A verdade é que face ás dificuldades que decorrem dos fatores das mudanças exigentes, houve necessidade de injetar verbas para modernizar as empresas, onde seria suposto, o dinheiro dos contribuintes não servir para salvar credores das mesmas, mas onde muitos dos impostos tem sido canalizados para esse fim, sem resultados.
Não se compreende o porquê de um negócio nada transparente com a venda da EFACEC onde não obstante a venda, vai ser necessário injetar mais uns milhões provenientes dos impostos pagos pelas pessoas, que sendo uma empresa com histórico no país, a questão que se coloca, é saber o porquê de terem que ser os recursos provenientes da nossa carga fiscal, a salvar os credores, quando os mesmos se mostraram incapazes de inverter a situação de dificuldades da entidade visada, e a mesma ser vendida, penalizando o contribuinte, o que mostra a forma com se esbanjam os impostos que as pessoas são obrigadas a pagar.

- PUB -

Mais populares

José Mourinho: “Dá-me prazer que as pessoas conheçam as minhas origens”

Técnico sadino em Setúbal para gravar com a Adidas e “mostrar ao mundo” a cidade onde nasceu e cresceu

Sobrevivente de naufrágio chamou por vítimas agarrado a boia

Buscas por desaparecidos em naufrágio em Troia alargadas amanhã

Passeio de barco termina em tragédia com duas mortes confirmadas e dois desaparecidos

Corpos de menino de 13 anos e de um adulto foram resgatados ontem. Dois outros adultos continuam desaparecidos
- PUB -