16 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioOpiniãoBig Brother: a gala final de 30 de Janeiro

Big Brother: a gala final de 30 de Janeiro

Os debates para as eleições legislativas do próximo dia 30 começaram no último domingo, dia 2 de janeiro. Nesse dia, às 20:50h, debateram António Costa (PS) e Rui Tavares (Livre), e às 22 horas foi a vez de Catarina Martins (BE) e André Ventura (Chega) esgrimirem argumentos.

- PUB -

O primeiro debate teve lugar na RTP1 e o segundo na SIC Notícias. No mesmo dia e sensivelmente à mesma hora estreou, na TVI, a nova edição do “Big Brother Famosos”, onde, segundo pude perceber, sob apresentação de Cristina Ferreira há uma série de indivíduos mais ou menos famosos e outros já esquecidos do grande público que começam a estadia numa casa onde estarão nas próximas semanas.

Trata-se, como conseguimos concluir, de formato um novo e nunca antes visto nem imaginado na televisão portuguesa. Nesse horário também na SIC houve lugar a estreias: a nova temporada do programa “Hell’s Kitchen”, com o mítico chefe superstar Ljubomir Stanisic a liderar as hostes.

Pode parecer estranho, eventualmente até impossível de um ponto de vista fático, mas o que é certo é que tudo isto aconteceu na televisão portuguesa no mesmo dia e mais ou menos à mesma hora.

- PUB -

Ora, se é defensável que os debates entre candidatos políticos muito raramente podem hoje ser apontados como trunfo decivisivo numa campanha, decidindo a contenda neste ou naquele sentido, é também verdade que apesar de tudo continuam a constituir uma ferramenta útil, pertinente e muitas vezes esclarecedora, que pode ajudar muitos eleitores indecisos a determinarem o seu voto ou alguns que se julguem decididos a alterarem-no ou – mais provável – a robustecerem-no ainda mais.

Mas nenhum dos referidos intervenientes políticos foi a estrela do passado domingo, nem mesmo o Primeiro-Ministro. Na verdade, segundo dados da Universal McCann, os debates entre PS e Livre e BE e Chega ocuparam, respetivamente, o 18º e 34º lugar dos programas mais vistos… do próprio domingo.

O debate que envolveu o atual Primeiro-Ministro atingiu um total de 992 mil espetadores, e o confronto entre Catarina Martins e André Ventura obteve uma audiência de 287 mil pessoas. A estreia do Big Brother famosos foi, como seria naturalmente expectável, o programa mais visto do dia, tendo chegado a mais de 1.8 milhões de portugueses.

- PUB -

O milenar provérbio vem assim sofrendo uma ligeira metamorfose: se queres saber como és, abre o Big Brother e verás.

É progressivamente mais consensual a crença da complexidade e dificuldade em antever, de forma límpida e convicta, um vencedor antecipado do ato eleitoral do próximo dia 30 de janeiro.

O PS, que continua à frente nas tendências de voto, vê o PSD e a direita a ganharem terreno, tornando-se cada vez mais eventual a possibilidade de existir uma maioria absoluta nos próximos anos, em Portugal.

Entre os dias 2 e 20 de janeiro as televisões portuguesas transmitirão 30 debates entre os vários partidos candidatos às próximas eleições legislativas. Num cenário de grande fragmentação político-ideológica e de crescente incerteza quanto aos resultados eleitorais, a visualização dos debates talvez pudesse constituir uma boa oportunidade para os portugueses aclararem e robustecerem o seu sentido de voto.

É grátis e não dá trabalho, nem é preciso ler coisa nenhuma; basta sentar no sofá e, como diz a minha avó, “ligar no canal um”. Para quem preferir, há também a possibilidade de assistir às nomeações e expulsões do Big Brother famosos. É só escolher, caro freguês.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -