17 Maio 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioOpiniãoO SNS é uma valiosa conquista do 25 de Abril

O SNS é uma valiosa conquista do 25 de Abril

Na hora em que o mundo enfrenta um dos mais difíceis desafios do último século, elegendo como prioridade imediata o combate colectivo à pandemia do novo Corona Vírus, importa relembrar que, há 46 anos, Portugal e os portugueses venceram um dos mais importantes combates da sua história contemporânea.

- PUB -

Em 25 de Abril de 1974, uma revolução vitoriosa e transformadora iniciou nova era para todos os portuguesas e portuguesas, instituindo a democracia e uma criativa luta pela melhoria das condições de vida de um país que era necessário resgatar de vários tipos de pobreza.

Uma das mais valiosas conquistas de Abril foi o Serviço Nacional de Saúde, com o qual o Estado aceitava prestar a todos os portugueses e portuguesas cuidados de saúde de forma universal e gratuita. No momento em que o SNS é a linha da frente do combate ao COVID-19 é imperativo, por ocasião do 46º aniversário do 25 de Abril, valorizar esta conquista da Revolução e afirmar a importância de continuar a defender intransigentemente o Serviço Nacional de Saúde, exigindo o seu reforço com meios adequados para enfrentar desafios como o que hoje temos pela frente.

Abril não poderá ser comemorado nas ruas este ano para que possamos cumprir as imperiosas regras do confinamento social que impedem a progressão da pandemia. Será, contudo, comemorado por muitos e muitos, nas suas casas, cantando o hino libertador da revolução que José Afonso nos legou. Será comemorado porque, acima de tudo, os valores que motivaram os militares de Abril a fazer cair um velho regime caduco e medíocre continuam bem vivos nas almas da esmagadora maioria dos portugueses.

- PUB -

Viva o 25 de Abril!

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -