21 Junho 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Desporto

Desporto

- PUB -

Alto do Moinho é líder com cinco pontos de vantagem

O Marienses, equipa da Ilha de Santa Maria (Açores), está em segundo lugar mas tem menos dois jogos e o Almada segue agora na terceira posição.

Elite mundial mergulha no Rio Sado em busca do apuramento Olímpico

“Orgulho para a cidade e um privilégio para o País”, diz vereador do Desporto Pedro Pina   Tal como já tinha acontecido em 2012 e 2016,...

Setubalense Hugo Correia tenta a sua sorte na Polónia [COM VÍDEO]

Jogador que foi muito bem recebido no novo clube promete dar tudo para o ajudar a subir de divisão. José Pina Hugo Correia, de 25 anos, nascido e residente em Setúbal, rumou ao estrangeiro, mais precisamente até à Polónia, com o objectivo de dar continuidade à sua carreira de futebolista. Em Portugal jogou no Desportivo de Portugal, União Banheirense, Bairro Novo (Moita) na vertente do futsal, e representou também a Quinta do Conde, é avançado, pode jogar extremo-direito ou ponta de lança, tem 1,75 m de altura e o seu pé preferencial é o direito. Hugo Correia considera que esta ida para a Polónia “é um grande passo” para si porque lhe permite “uma nova experiência como jogador de futebol num país diferente. Está a jogar num clube do campeonato distrital que fica situado a cerca de 30 quilómetros de Varsóvia, o Advit Wiazowna. “Vim para ajudar o clube a subir de divisão e escolhi a Polónia porque é um país diferente e porque quero dar continuidade à minha carreira de futebolista”, refere o jogador que está muito grato por lhe terem aberto as portas. “De início tive receio porque é tudo muito diferente, desde a língua à cultura, mas como o meu objectivo é jogar futebol e atingir outros patamares, acredito que esta é uma boa oportunidade para relançar a minha carreira. Com a idade que tenho, o objectivo traçado é a longo prazo”, disse Hugo Correia que quer continuar a jogar futebol por muitos anos. “Esta pode ser uma boa oportunidade. Estou muito satisfeito por aqui estar e ao contrário do que pensei fui muito bem recebido. Até me ofereceram uma camisola da Polónia, fiquei estupefacto. As pessoas aqui são muito humildes e simpáticas. A mensagem que gostaria de lhes deixar é que não vou ter medo de nada e que irei encarar de frente todos os desafios que surgirem”, rematou Hugo Correia. Jogador que foi muito bem recebido no novo clube promete dar tudo para o ajudar a subir de divisão. José Pina Hugo Correia, de 25 anos, nascido e residente em Setúbal, rumou ao estrangeiro, mais precisamente até à Polónia, com o objectivo de dar continuidade à sua carreira de futebolista. Em Portugal jogou no Desportivo de Portugal, União Banheirense, Bairro Novo (Moita) na vertente do futsal, e representou também a Quinta do Conde, é avançado, pode jogar extremo-direito ou ponta de lança, tem 1,75 m de altura e o seu pé preferencial é o direito. Hugo Correia considera que esta ida para a Polónia “é um grande passo” para si porque lhe permite “uma nova experiência como jogador de futebol num país diferente. Está a jogar num clube do campeonato distrital que fica situado a cerca de 30 quilómetros de Varsóvia, o Advit Wiazowna. “Vim para ajudar o clube a subir de divisão e escolhi a Polónia porque é um país diferente e porque quero dar continuidade à minha carreira de futebolista”, refere o jogador que está muito grato por lhe terem aberto as portas. “De início tive receio porque é tudo muito diferente, desde a língua à cultura, mas como o meu objectivo é jogar futebol e atingir outros patamares, acredito que esta é uma boa oportunidade para relançar a minha carreira. Com a idade que tenho, o objectivo traçado é a longo prazo”, disse Hugo Correia que quer continuar a jogar futebol por muitos anos. “Esta pode ser uma boa oportunidade. Estou muito satisfeito por aqui estar e ao contrário do que pensei fui muito bem recebido. Até me ofereceram uma camisola da Polónia, fiquei estupefacto. As pessoas aqui são muito humildes e simpáticas. A mensagem que gostaria de lhes deixar é que não vou ter medo de nada e que irei encarar de frente todos os desafios que surgirem”, rematou Hugo Correia.

Cardoso Pereira, o “Peyroteo” do Sado

Nas ruas de São Domingos e no clube do bairro despontou um dos melhores avançados que Setúbal viu jogar, de seu nome José Cardoso...

Vitória FC cumpre critérios e vê confirmada a participação na Liga 3

O Vitória Futebol Clube foi na terça-feira oficialmente notificado pela Comissão de Licenciamento da Federação Portuguesa de Futebol da decisão de participação na Liga...

“Só nós sabemos o que passámos e mesmo assim nunca desistimos e conseguimos fazer uma época incrível”

Defesa, de 21 anos, marcou três golos em 22 jogos no Campeonato de Portugal 2020/21.

Barreirense perde em casa com o Venda Nova

Equipas da região foram ambas derrotadas na primeira jornada da prova de acesso à terceira fase.

“Gratidão do tamanho do mundo aos adeptos por tudo o que fizeram por nós”

“Fomos sentindo no nosso íntimo que não os podíamos defraudar”, disse Alexandre Santana

Moitense aumenta vantagem sobre os seus perseguidores

Com mais dois jogos realizados tem cinco pontos de vantagem sobre o Comércio Indústria e mais seis sobre o Barreirense, equipas que se defrontam já esta quinta-feira.  

Oriental Dragon e Amora empatam na despedida do Campeonato de Portugal

Dragões da Moita, que fizeram uma época espectacular, empataram em casa com o Sporting B e o Amora fez o mesmo no reduto do Praiense

Fim do sonho da subida à II Liga não esmorece aplausos ao Vitória

Derrota 2-0 com Torreense e triunfo do E. Amadora em Leiria na derradeira jornada

E. Amadora em risco de perder pontos devido a incidentes no final do jogo com o Vitória

Independentemente do que suceda em campo nos dois jogos da derradeira jornada da fase de acesso (Zona Sul) à II Liga, a classificação final...
- PUB -

Mais populares

- PUB -