20 Agosto 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalSinesPorto de Recreio de Sines concessionado à “Mermaid Objective"

Porto de Recreio de Sines concessionado à “Mermaid Objective”

Contrato celebrado entre a empresa e a Administração dos Portos de Sines e do Algarve é válido por 10 anos

 

- PUB -

A empresa “Mermaid Objective” começa já amanhã a explorar comercialmente o Porto de Recreio de Sines. A Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) anunciou ontem que  celebrou o contrato de concessão do espaço com a empresa, por um prazo de 10 anos.

De acordo com a APS, a concessão, que é efectivada a partir de 1 de Julho, “tem por objecto principal o direito de exploração comercial do Porto de Recreio de Sines, em regime de serviço público”. E implica, adianta a administração portuária, “a transmissão para a concessionária de todas as situações jurídicas actualmente na titularidade da APS” relacionadas com as actividades desenvolvidas no Porto de Recreio.

Este é o único porto de recreio da costa marítima entre Setúbal e o Algarve, lembra a APS para vincar que, por via disso, o espaço constitui “ponto de paragem das embarcações que percorrem a costa portuguesa, contribuindo para o desenvolvimento turístico de Sines e de toda a Costa Vicentina”.

- PUB -

Apesar da concessão, a APS revela que assumirá ainda neste ano “todos os compromissos previstos no âmbito da candidatura do Porto de Recreio de Sines ao Programa Bandeira Azul 2021”, nos quais se incluem as actividades de educação ambiental. Assim, já no próximo dia 15, entre as 10 e as 18h00, sob o tema “Recuperação de ecossistemas”, a APS e o Centro de Ciência Viva do Lousal (CCVL) realizam várias actividades com o objectivo de “sensibilizar a população para a sustentabilidade e protecção do meio ambiente”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Mulher morre em colisão entre dois veículos em Grândola

Uma colisão frontal entre dois veículos ligeiros na Estrada Nacional 261, no cruzamento do Carvalhal, provocou, esta tarde, um morto e dois feridos graves.

Ana Catarina Gonçalves: A grandolense que arriscou e conseguiu montar um ‘império’ na vertente das explicações

Com apenas 21 anos, começou a acompanhar algumas crianças por brincadeira. Hoje, passados cinco anos, emprega três dezenas de professores

Acidente de viação no Montijo provoca três mortos

Colisão frontal provocou a morte de dois homens, de 26 e 32 anos, e de uma mulher, de 24 anos
- PUB -