19 Abril 2024, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalPessoas cegas testam novos equipamentos de inclusão no Museu Giacometti

Pessoas cegas testam novos equipamentos de inclusão no Museu Giacometti

Câmara municipal instalou funcionalidades que permitem pessoas invisuais ter acesso ao espaço cultural

 

- PUB -

Terminadas as obras de instalação de equipamentos que permitem pessoas invisuais visitarem o Museu do Trabalho Michel Giacometti, o espaço cultural setubalense recebeu, na semana passada, as primeiras visitas de pessoas cegas que puderam ‘avaliar’ os trabalhos levados a cabo pela câmara municipal.

Utentes da Associação Promotora de Emprego de Deficientes Visuais de Lisboa rumaram até Setúbal para conhecer as novas funcionalidades, e o desafio foi logo elogiado à entrada onde está agora um piso táctil direccional, “um pavimento diferente, com textura que se destaca do resto do espaço para despertar a atenção de pessoas cegas ou com baixa visão”, como explica a nota de Imprensa da autarquia. Rita, utente desta associação, explicou a importância deste equipamento para pessoas com esta condição. “Este chão é fundamental porque indica-nos o caminho a seguir”.

Desde “rampas e pisos ou plantas com relevos aos materiais tácteis e em braille”, ou até mesmo os áudio-guias disponíveis para aqueles que não saibam ler braille, foram mais de duas horas em que os visitantes foram acompanhados pelos técnicos do Serviço Educativo dos Museus Municipais da Câmara Municipal para visitar mostras como “Mercearia Liberdade”, “Ao Encontro do Povo” e “Da Lota à lata”.

- PUB -

Gorette, outra das utentes, enalteceu “a apresentação feita e o cuidado posto pelos técnicos”, mas no final a vontade era explorar mais. “Gostei muito de vir aqui. É pena já ter terminado”. A assistente social daquela associação, Joana Costa, corroborou as palavras das utentes ao elogiar a adaptação feita naquele espaço museológico da cidade. “O Museu do Trabalho Michel Giacometti é extremamente bem-adaptado para pessoas com deficiência visual. Ficámos muito satisfeitos e iremos voltar com mais alunos”.

O Museu do Trabalho Michel Giacometti enquadra-se no projecto “Setúbal – Cultura Sem Barreiras”, em que estão a ser realizadas empreitadas de apetrechamento de “equipamentos culturais com um conjunto alargado de soluções pensadas especificamente para pessoas com deficiências, de maneira a eliminar barreiras físicas e a permitir a fruição dos diferentes espaços por todos os cidadãos”.

- PUB -

Mais populares

José Mourinho: “Dá-me prazer que as pessoas conheçam as minhas origens”

Técnico sadino em Setúbal para gravar com a Adidas e “mostrar ao mundo” a cidade onde nasceu e cresceu

Cravo humano ‘nasce’ no areal da Praia de Albarquel

Cerca de quatro centenas de trabalhadores da autarquia juntaram-se após uma caminhada de três quilómetros

Barco naufragado em Tróia tinha boia de amarração no Porto de Setúbal

Jornal Observador adiantou que barco, intitulado “Lingrinhas”, estava “registado na Polónia e não recebia ‘vistorias’ das autoridades portuguesas”
- PUB -