3 Março 2024, Domingo
- PUB -
InícioLocalSetúbalObra de Bocage e vida no teatro motivam investigação com apoio da...

Obra de Bocage e vida no teatro motivam investigação com apoio da DGArtes

Investigador Fernando Casaca considera o poeta “suscita muita curiosidade, muito interesse em ser estudado”

 

- PUB -

A vida e obra do poeta sadino Bocage despertou em Fernando Casaca a vontade de saber mais sobre o controverso escritor do século XVIII, que dá vida à estátua edificada no meio da Praça do Bocage, no centro da cidade de Setúbal.

“Bocage, o Teatro e a cultura teatral setecentista – uma abordagem da obra de Manuel Maria Barbosa du Bocage” dá nome à investigação levada avante há já um ano, com o apoio da Direcção-Geral das Artes (DGArtes).

“Para uma pessoa que nasceu e vive em Setúbal desde sempre, Bocage é uma figura que suscita muita curiosidade, muito interesse em ser estudado, conhecer melhor”, explana o investigador a O SETUBALENSE. Durante a tarde a passada quinta-feira a Biblioteca Pública Municipal de Setúbal recebeu uma conferência onde o próprio Fernando Casaca adiantou as primeiras investigações já realizadas.

- PUB -

A marca identitária, enquadrada no espaço e no tempo, é uma das principais directrizes deste estudo. “É uma matéria pouco conhecida, pouco estudada, há muitas descobertas e muitas ideias que podem ser inovadoras, em relação àquilo que é a dimensão teatral da obra de Bocage, que não é tão irrelevante como alguns estudiosos antigamente definiam. Pelo contrário, para além de estar bem integrada no seu tempo, nas ideias culturais, nas correntes artísticas, políticas e sociais da época, também ele próprio tinha a sua marca e é isso que eu vou procurar, desvendar e partilhar com as pessoas”.

Em matéria de apoio financeiro o projecto é apoiado por um programa específico da DGArtes, que prontamente deu resposta à candidatura realizada em Outubro de 2022. “Este projecto foi candidatado no âmbito de um programa que é o Procedimento Simplificado, e tem um máximo de 5 mil euros a atribuir a cada projecto, que foi esse o montante que foi atribuído, exactamente o máximo”.

Passado pouco mais de um ano desde o início da pesquisa muito material já foi recolhido, mas o caminho é ainda é longo para o investigador que diz ter experiência nas artes dramáticas.

- PUB -

Mais populares

Homem encontrado morto em casa no centro de Setúbal [Actualizada]

Cadáver de José, de 66 anos, foi transportado para a morgue do Hospital de São Bernardo para realizar autópsia

PJ investiga cadáver encontrado no interior de uma viatura em Setúbal

Populares alertaram as autoridades pelas 22h30. Homem, de 57 anos, terá morrido por causas naturais

Pedro Catarino já é goleador-mor dos sadinos na 1.ª Divisão da AF Setúbal

Com cinco golos no Vitória B, avançado do plantel principal volta a ser decisivo
- PUB -