21 Maio 2022, Sábado
- PUB -
InícioLocalSetúbalDesfile do 1.º Maio junta centenas nas ruas de Setúbal

Desfile do 1.º Maio junta centenas nas ruas de Setúbal

Aumentos salariais e redução do horário de trabalho para 35 horas por semana são principais reivindicações

 

- PUB -

O desfile do 1.º de Maio promovido pela União de Sindicatos de Setúbal (CGTP) juntou esta tarde várias centenas de pessoas de diversas empresas e entidades da região, além de autarcas dos municípios e freguesias da região.

Entre os autarcas presentes, estiveram os presidentes da Câmara de Setúbal, André Martins, e da Junta de Freguesia de São Sebastião, Nuno Costa.

A manifestação começou pouco depois da 3h da tarde na Praça do Brasil e percorreu várias ruas da cidade, até à zona do coreto, na Avenida Luisa Todi, onde tiveram lugar as intervenções.

- PUB -

O coordenador da União de Sindicatos afirmou que o Orçamento de Estado que está em processo de aprovação na Assembleia da República não serve os trabalhadores. “O custo de vida aumenta e o Governo não age para travar os que especulam e ainda quer ir ao bolso de quem trabalha não permitindo a valorização dos salários”, disse Luís Leitão.

O sindicalista apontou o exemplo da The Navigator Company. “É inaceitável que a Navigator queira aumentar os trabalhadores apenas 0,9% no ano em que teve mais de 300 milhões de euros de lucros”, atirou.

Luís Leitão recusa o argumento de que os salários não podem ser aumentados por causa da inflação. “Não é para conter a inflação dos preços que o Governo recusa o aumento dos salários”, defendeu.

- PUB -

Uma das palavras de ordem do desfile foi “não há guerra, sim à paz”, com o sindicalista a manifestar, no final, “solidariedade com os povos da Ucrânia, Palestina, Síria, Iraque, Afeganistão e Venezuela”, entre outros.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Piscina na urbanização dos Fidalguinhos está quase a sair do papel

Obra de 3,5 milhões de euros já tem projecto e concurso pode avançar ainda este ano. Futuro equipamento terá capacidade para cerca de 700...

Jovem sequestrado e violado em casa de banho da estação de comboios de Coina

Rapaz de 16 anos foi abusado por homem de 43. Violador está agora em prisão preventiva

Cidade perde rede de agentes com chegada da Transportes Metropolitanos de Lisboa

Rede com mais de uma dezena de estabelecimentos, construída pelos TST, desfeita com chegada de nova transportadora, prejudicando utilizadores mais velhos
- PUB -