29 Novembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalFesta do Cinema Italiano está de regresso ao Auditório Charlot com exibição...

Festa do Cinema Italiano está de regresso ao Auditório Charlot com exibição de oito filmes

Setubalenses têm a oportunidade de assistir a “filmes de novos realizadores e de nomes consagrados, a clássicos e a antestreias”

 

- PUB -

A Festa do Cinema Italiano volta este ano a passar pela cidade de Setúbal, com a exibição de oito filmes no grande ecrã do Cinema Charlot – Auditório Municipal entre amanhã e domingo.

Nesta que será a 14.ª edição do certame, cuja “programação diversificada enaltece a qualidade da cinematografia vinda de Itália”, os setubalenses vão ter a oportunidade de assistir a “filmes de novos realizadores e de nomes consagrados, a clássicos e a antestreias”, explica a Câmara Municipal sadina em nota de Imprensa.

O evento começa pelas 21h30 de amanhã, com a apresentação de “Era uma vez a Máfia”, documentário de Franco Maresco que “revisita a memória histórica italiana, acompanhado pela famosa fotógrafa da máfia Letizia Battaglia”.

- PUB -

Na sexta-feira, por sua vez, é tempo de assistir à longa-metragem de Carlo Sironi, intitulada “Sole”. Com início marcado para o mesmo horário, a exibição “com Bruno Buzzi, Sandra Drzymalska e Marco Felli” aborda “dois jovens que não sabem qual é o seu lugar no mundo, muito menos que lugar dar a uma criança destinada a nascer”.

Segue-se no sábado, pelas 16 horas, a “comédia negra erótica “Malizia”, de Salvatori Samperi, que transformou Laura Antonelli num sex symbol do cinema italiano da década de 70”.

Ainda neste dia, mas às 21h30, há sessão dupla, a começar com a comédia satírica “Tolo Tolo”, que marca “a estreia do actor Checco Zalone e representa o quinto filme com a maior bilheteira de todos os tempos na história do cinema italiano”.

- PUB -

Logo em seguida, o público vai poder rir com “Odio L’Estate”, de Massimo Venier, que retrata “o regresso do trio de comediantes Aldo Baglio, Giacomo Poretti e Giovanni Storti”.

Já o último dia de festa começará pelas 17 horas, com a transmissão do documentário “Artemisia Gentileschi”, de Jordan River, que “propõe uma viagem pela vida de Artemisia, considerada uma das grandes pintoras da arte barroca”.

Passada uma hora, chega ao Cinema Charlot a “Rua do Prior 41”, de Lorenzo d’Amico de Carvalho, cujas atenções se focam na Revolução de 25 de Abril de 1974.

A Festa do Cinema Italiano, organizada pela Associação Cultural II Sorpasso, termina a sua passagem pelo concelho sadino pelas 21h30, com a comédia romântica “Uma Livraria em Paris”.

Os bilhetes têm um custo de 2,5 euros para o público em geral e de dois euros para menores de 25 anos e maiores de 65, estando ainda disponível “um passe especial, de cinco euros, que dá acesso a todas as sessões”.

Depois de arrancar ontem em Lisboa, o festival passa, até dia 26, também por Almada, Coimbra, Beja, Penafiel, Porto, Cascais, Alverca, Aveiro e Leiria.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -