27 Janeiro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalCâmara Municipal analisa dificuldades e desafios no combate à covid-19 em encontro...

Câmara Municipal analisa dificuldades e desafios no combate à covid-19 em encontro virtual

Presidente da autarquia diz ser importante extrair da pandemia lições que disponibiliza para reforço da segurança das populações

 

- PUB -

A Câmara Municipal de Setúbal debateu recentemente, em encontro virtual, as dificuldades e os desafios enfrentados no combate à covid-19, quer na cidade sadina, a nível nacional e até na União Europeia.

“Este é mais um dos contributos que, em Setúbal, quisemos dar para o debate suscitado pela pandemia e pela necessidade de extrairmos dela as lições que disponibiliza, visando o aperfeiçoamento dos sistemas de protecção civil, saúde pública e segurança interna e o reforço da segurança das populações”, revelou a presidente da autarquia, Maria das Dores Meira, na sessão, de acordo com comunicado.

O webinar “covid-19 – da coordenação à resposta na União Europeia”, que decorreu na passada sexta-feira, prosseguiu com a intervenção de Paraskevi Michou, directora-geral da Protecção Civil e das Operações de Ajuda Humanitária Europeias da Comissão Europeia, que “abordou as dificuldades que se colocaram à coordenação e à resposta à crise pandémica”.

- PUB -

Para a responsável, “ninguém estava preparado para enfrentar uma crise deste género”, tendo sido “um grande desafio” conseguir reunir uma equipa de coordenação. Contudo, estabeleceram-se acções de solidariedade entre países, que se fizeram “notar no desafio de conseguir enviar materiais médicos e equipamentos de protecção individual para os países que necessitavam”.

Também Carlos Rabaçal, vereador da Protecção Civil da edilidade setubalense, participou no webinar, no qual destacou a “caminhada” que o concelho tem vindo a fazer, ao ter sido “a primeira autarquia a declarar Situação de Alerta e a accionar o Plano Municipal de Emergência de Protecção Civil”.

“A partir daí, desenvolveu-se um vasto trabalho que envolveu todos os serviços municipais, bem como as cinco juntas de freguesia e outras instituições na distribuição de bens essenciais a quem não podia sair de casa, desinfecção de espaços públicos, criação de locais de alojamento provisório para trabalhadores na área da saúde, apoio a produtores e a empresários e programas culturais para a população, readaptados à realidade pandémica”.

- PUB -

Com moderação de José Luís Zêzere, do Instituto de Geografia e Ordenamento do Território, o encontro contou com mais de sessenta participantes, tendo sido organizado em conjunto com o Centro de Estudos e Intervenção em Protecção Civil, a Universidade de Lisboa e o Instituto Politécnico de Setúbal.

Em seguida deu-se início à mesa redonda “Covid-19 – A resposta nacional – Segurança, Protecção Civil, Saúde e Municípios”. Nesta segunda iniciativa intervieram Carlos Rodrigues, do Instituto de Defesa Nacional, Filipe Froes, coordenador do Gabinete de Crise Covid-19 da Ordem dos Médicos, e André Fernandes, comandante nacional de operações da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil (ANEPC).

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -