8 Dezembro 2021, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalAutoridades procuram dois sírios que abandonaram navio no Porto de Setúbal

Autoridades procuram dois sírios que abandonaram navio no Porto de Setúbal

Jovens, de 20 e 22 anos, saíram do navio Nagham esta quinta-feira de manhã, sem autorização do comandante. Deixaram os passaportes no barco e levaram apenas um documento do SEF. Quando foram interpelados por um segurança, fugiram

- PUB -

Dois jovens sírios que abandonaram hoje de manhã um navio de carga Nagham, proveniente de Marrocos, que está atracado no porto de Setúbal, estão a ser procurados pelas autoridades, revelou à agência Lusa o comandante do porto, Luís Lavrador.

“Os dois jovens, de 20 e 22 anos, tiveram acesso a um documento – yellow card – concedido pelo SEF, para o caso de precisarem de tratar de alguns assuntos administrativos ou logísticos em terra”, disse Luís Lavrador, acrescentando que o referido documento era suficiente para os dois jovens saírem da zona portuária.

“O que aconteceu foi que um segurança interpelou os dois jovens e eles fugiram. Isso levantou suspeitas. Uma equipa da Polícia Marítima foi a bordo e confirmou que faltavam dois elementos da tripulação, que saíram do navio sem autorização do comandante”, disse o capitão do porto de Setúbal, referindo ainda que os dois indivíduos deixaram o passaporte no navio, proveniente de Marrocos.

- PUB -

De acordo com o responsável da capitania do porto de Setúbal, a fuga dos dois jovens ocorreu cerca das 07:00 e, desde então, as forças de segurança de Setúbal tem estado a desenvolver esforços para os localizar.

“Ainda não sabemos se se tratou apenas de um ato irrefletido dos dois jovens ou se foi uma coisa planeada. Neste momento não temos nada que possa explicar as motivações dos dois jovens”, disse Luís Lavrador.

O navio Nagham tem saída prevista do porto de Setúbal para o próximo sábado, dia 4 de Novembro.

- PUB -

Lusa

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Tribunal reconhece direito de retenção de casas a famílias de Azeitão após falência de cooperativa

Decisão reconhece que famílias têm os seus créditos "garantidos" e "reconhecidos" pelos montantes que já pagaram, e que, como “consumidores” e por "tradição", têm...

Caso de gripe das aves detectado em Palmela

A DGAV lembrou que não existem evidências de que a gripe aviária seja transmitida para os humanos através do consumo de alimentos, como carne de aves de capoeira ou ovos

Águas de Moura subiu ao segundo lugar da tabela classificativa

Dos três da frente ninguém conseguiu ganhar e quem tirou partido disso foi a equipa orientada por Gonçalo Cruz que é agora vice-líder da competição.
- PUB -