10 Maio 2024, Sexta-feira

- PUB -
Patinador Micael Santos da Academia PatinArt foi 4.º classificado da Taça da Europa na Croácia

Patinador Micael Santos da Academia PatinArt foi 4.º classificado da Taça da Europa na Croácia

Patinador Micael Santos da Academia PatinArt foi 4.º classificado da Taça da Europa na Croácia

Por uma nesga o patinador não conseguiu lugar no pódio. Mas ganhou a solidariedade da comunidade para estar na competição

O atleta de patinagem artística Micael Santos, da Academia PatinArt, com 16 anos, classificou-se no 4.º lugar na modalidade livre, escalão juvenil, na Taça da Europa, competição que decorreu na Croácia a 4 e 6 de Novembro.

“No programa curto conseguiu o 2.º lugar, mas o programa longo não correu bem o que lhe deu o 4.º lugar na soma da pontuação final”, descreve Sónia Pinheiro, presidente da Academia sediada na Quinta do Conde.

Apesar de não ter subido ao pódio, para Micael Santos o facto de ter conseguido viajar até à Croácia para competir representando Portugal já foi parte de uma vitória, quer pelo lado financeiro, quer pelas condições para treinar, apesar de não o ter conseguido fazer na semana anterior à competição.

Quanto a verbas, incluindo deslocação e alimentação, estas foram conseguidas através da iniciativa da Academia PatinArt que decidiu avançar com uma campanha de angariação junto de particulares e empresas. “Constituída a 29 de Março deste ano, a Academia ainda não consegue responder ao esforço financeiro para levar os atletas a competições internacionais”, diz Sónia Pinheiro.

Era preciso conseguir, no mínimo, 1 200 euros para levar o atleta à Taça da Europa, e isso foi conseguido. “Quero agradecer às pessoas que ajudaram o Micael com a maior parte da verba necessária, mas também à Tipografia Rápida, em Setúbal, e ao Colégio das Faias, em Azeitão, pelo apoio financeiro, e também ao jornal O SETUBALENSE pela ajuda na divulgação da campanha”, diz Sónia Pinheiro.

O que a responsável da PatinArt gostava de ver era a comunidade empresarial a “apoiar mais os atletas amadores e os clubes que, pela sua pequena dimensão, não conseguem ter capacidade financeira para levar os seus atletas internacionais a competições no estrangeiro”.

A treinar entre a Quinta do Conde, Montijo e Almada, Micael, que reside no Barreiro, para se preparar para a Croácia teve de se dividir entre o pavilhão do Ginásio Clube do Sul, na Cova da Piedade, e o do Liberdade Futebol Clube, na Mutela. No caso do Liberdade, que tem apoiado a Academia durante o ano, como o espaço não compreende as dimensões para uma Taça da Europa, a solução foi o Ginásio. “Temos de agradecer a estes dois clubes”, afirma a presidente da PatinArt.

Depois da Taça da Europa, o próximo esforço da Academia, da Quinta do Conde, é preparar a equipa para terminar esta época desportiva com a Taça de Portugal, que se realiza entre 29 de Novembro e 3 de Dezembro, em Fafe, onde vai estar presente com cinco atletas femininos e um masculino. “Temos boas possibilidades de conseguir lugares de pódio”, diz Sónia Pinheiro.

O objectivo traçado pela presidente tem também por base o 5.º lugar da equipa da PatinArt conseguido no Torneio Aberto 2023 realizado em Alcácer do Sal e no Seixal, no último fim-de- semana de Outubro e primeiro de Novembro, respectivamente. “Entre 24 clubes em competição, o resultado que conseguimos tem relevância”, afirma.

Além dos 50 atletas federados, entre femininos e masculinos, a PatinArt tem jovens em treinos de experiência, sendo que alguns deles estão próximo de ser inscritos na Federação Portuguesa de Patinagem.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -