9 Fevereiro 2023, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalSeixalHomem baleado em discoteca no Seixal (actualizada)

Homem baleado em discoteca no Seixal (actualizada)

Vítima de 34 anos foi atingida no pescoço, com o homem a ser operado após projéctil entrar na corrente sanguínea

 

- PUB -

Um homem foi baleado no pescoço, numa discoteca, esta madrugada de quinta-feira, no Seixal.

Um homem com cerca de 35 anos vai ser submetido a intervenção cirúrgica no Hospital Garcia de Orta, em Almada após ter sido baleado no pescoço durante uma discussão numa discoteca no Seixal. A bala, um projéctil de pequena dimensão, entrou na corrente sanguínea da vítima e terá de ser retirada por operação.

O homem foi baleado dentro de um discoteca na Amora, Seixal, durante a madrugada desta quinta-feira. Consciente, dirigiu-se pelos próprios meios para o Hospital Garcia de Orta, acompanhado por amigos, onde foi submetido a exames que mostraram que o projéctil ficou alojado numa artéria do pescoço e entrou assim na corrente sanguínea.

- PUB -

A Polícia Judiciária de Setúbal está a investigar o caso e tenta localizar e deter o suspeito do crime, que não está identificado por agora. Os motivos do crime também são desconhecidos.

Não foi possível apurar se o homem foi atingido dentro da discoteca, ou à porta. O alerta foi dado por volta das 5h23 para desacatos à porta da discoteca Roots. A PSP dirigiu-se de imediato ao local e tomou conta da ocorrência. No local estiveram operacionais dos Bombeiros da Amora e da VMER de Almada.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Estação de combustível da Repsol assaltada esta tarde em Setúbal

Indivíduo fugiu com o dinheiro da caixa. Ameaçou os funcionários com uma faca. Já são três os assaltos registados nos últimos quatro dias

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Café na baixa de Setúbal assaltado esta manhã

Crime decorreu por volta das 10h30, com a proprietária a pedir ajuda a comerciantes e pessoas que transitavam perto do local
- PUB -