25 Janeiro 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioLocalSeixalÁrvores de Natal criativas e sustentáveis enfeitam Escola do Bairro Novo no...

Árvores de Natal criativas e sustentáveis enfeitam Escola do Bairro Novo no Seixal

Trabalhos com cortiça e conchas de ostras ensinam os mais novos a cuidar do ambiente de forma inovadora

 

- PUB -

Pneus, paletes de madeira e, este ano, cortiça e conchas de ostras formam árvores de Natal originais na Escola Básica do Bairro Novo, no Seixal. A ideia partiu da Associação de Pais e Encarregados de Educação que já há três anos se dedica a ensinar às crianças sobre reciclagem, ao decorar as salas de aula e o exterior do espaço com materiais reutilizados. Este Natal, o grupo decidiu inovar.
Com árvores de Natal espalhadas pelas salas e pátio da escola, além de mostrar o valor da reciclagem, o objectivo é recuperar elementos representativos da cultura e história da cidade.

“Tanto as ostras como a cortiça fazem parte da construção da região. O Seixal teve a Mundet, uma das maiores corticeiras a nível mundial e queremos que as crianças conheçam a origem do local onde estudam e vivem”, conta Sofia Santos, presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação.

Para isso, o grupo recolheu conchas de ostras apanhadas nas praias do Seixal e às crianças coube a divertida tarefa de pintar os moluscos. “Os miúdos adoram. Adoram pintar, adoram criar e chegar à escola e ver o trabalho terminado. Em termos gerais, também a escola, os encarregados de educação e a comunidade envolvente reagem muito bem a este tipo de iniciativas. As empresas estão sempre prontas a ceder-nos materiais”, revela a responsável pela associação.

- PUB -

Para a escola do Seixal, nada é impossível na época natalícia. Cuidar do ambiente, dando asas à criatividade já se tornou lema.

“Às vezes, encontramos materiais e pensamos que já não servem para nada, mas a verdade é que podemos sempre dar-lhes uma nova vida. Os alunos já perceberam que podem utilizar quase tudo para criarem o que quiserem. Basta um pouco de imaginação e os projectos acontecem”, desvenda Sofia Santos.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Duas das crianças feridas em acidente rodoviário em Palmela em estado grave

O sinistro envolveu três veículos ligeiros e obrigou ao corte de trânsito na EN 5 por mais de três horas

Morreu uma das crianças feridas em colisão automóvel no concelho de Palmela 

Menino tinha cinco anos e havia sido transportado no helicóptero do INEM para o Hospital de Santa Maria. Ontem acabou por não resistir aos ferimentos

MP acusa médico do Centro Hospitalar de Setúbal de homicídio por negligência em caso de morte de bebé num parto

Os factos ocorreram no dia 06 de Fevereiro de 2018, nos serviços de urgência de obstetrícia e estão relacionados com o parto de um feto morto
- PUB -