28 Novembro 2021, Domingo
- PUB -
InícioLocalSantiago do Cacém“A saúde não é um negócio”. PCP organizou tribuna pública em Santiago...

“A saúde não é um negócio”. PCP organizou tribuna pública em Santiago do Cacém

O PCP organizou esta manhã uma tribuna pública no Jardim Municipal que está frente à Câmara Municipal de Santiago do Cacém. Esta acção aconteceu no seguimento de uma série de eventos organizadas hoje pelos comunistas “Em Defesa do Serviço Nacional de Saúde contra o saque dos grupos privados”.

- PUB -

Realçando que “foram cumpridas todas as normas higieno-sanitários”, os comunistas referem em comunicado que das várias intervenções do dia se concluiu “que a solução para os problemas que hoje condicionam o normal funcionamento do SNS não passa por transferir para os privados a prestação de cuidados de saúde com o pagamento de milhares de milhões de euros aos grupo económicos e financeiros”.

O PCP defende que estas verbas deviam ser utilizadas para contratar os profissionais de saúde que estão em falta no Litoral Alentejano, para responder também “aos cerca de 11 mil utentes na região sem médico de família”, além de outros problemas como tempos de espera em consultas de especialidade que “chegam a superar os 880 dias”.

Frisando que “a saúde não é um negócio”, o partido diz ainda que “Este dinheiro desviado para grupos privados poderia ser parte canalizado para que na região se construa os centros de saúde em falta e se requalifique os que estão degradados e garantir a abertura das extenções de saúde, em que algumas delas estiveram fechadas durante 7 meses, obrigando os utentes a longas deslocações em períodos em que os transportes públicos estiveram a operar com 30% da capacidade”.

- PUB -
- PUB -
[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Área Metropolitana de Lisboa assegura transporte rodovidário sadino até chegada da Carris Metropolitana

É necessário "dar continuidade às Autorizações Provisórias até a entrada do novo operador, de forma a evitar a ruptura dos serviços públicos de transporte rodoviário de passageiros no concelho de Setúbal"

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -