3 Março 2024, Domingo
- PUB -
InícioLocalPalmelaObra da 'Rotunda dos Pinheirinhos' está no terreno com o município ainda...

Obra da ‘Rotunda dos Pinheirinhos’ está no terreno com o município ainda a tentar salvar duas árvores

Autarquia solicitou à Infraestruturas de Portugal que reanalisasse abate de dois pinheiros, determinado em parecer

 

- PUB -

Já está em curso, em Pinhal Novo, a construção da rotunda na Estrada Nacional (EN) 252 que vai substituir o conhecido “triângulo dos pinheirinhos”. A empreitada prevê, em projecto, o abate de um pinheiro, mas existem mais dois pelos quais a Câmara Municipal de Palmela está a lutar para evitar que tenham destino idêntico.

A execução da obra da futura “Rotunda dos Pinheirinhos”, lembra a autarquia, foi contratualizada “com um promotor de uma unidade económica e com a Infraestruturas de Portugal (IP)” e é esta última entidade quem detém “a jurisdição naquela via nacional”. Foi a IP, adianta a edilidade, que “definiu tecnicamente as condições do projecto e que o aprovou, a par da câmara municipal”.

“O projecto aprovado pressupunha o abate de um pinheiro, que ficava fora do anel de circulação”, explica o município, que se viu confrontado com “um parecer mais recente da Direcção de Segurança Rodoviária e da Direcção de Estudos e Projectos Rodoviários da IP” a determinar igualmente o abate dos restantes dois pinheiros.

- PUB -

A determinação apresentada evoca “razões de segurança rodoviária” e faz alusão “ao Memorando Técnico da IP”, o qual “considera que no interior das rotundas não devem existir ‘obstáculos rígidos (estátuas, fontes, árvores, rochas, muros, postes, cartazes, outdoors ou qualquer tipo de dispositivo rígido ornamental)’”, faz saber a autarquia, ao mesmo tempo que informa ter já pedido à IP que reconsidere o abate dos dois pinheiros. “O município solicitou à IP, em 17 de Janeiro, que o assunto fosse reanalisado, na medida em que pretende responsabilizar-se pela manutenção dos pinheiros e arranjo paisagístico da rotunda, tendo em vista, até, a transferência da EN 252 no interior da vila para a sua competência.”

De acordo com a mesma informação, o município esclarece que os pinheiros ali existentes “não são os originais”, já que as árvores naquela zona “foram substituídas várias vezes ao longo dos anos, tendo sido retiradas ou abatidas por questões fitossanitárias”.

A Câmara Municipal de Palmela sublinha ainda que está, juntamente com a Junta de Pinhal Novo, “profundamente comprometida” com a “preservação da identidade” da freguesia pinhalnovense e com a “protecção do ambiente”. E como exemplo aponta a plantação de “milhares de espécimes”, levada a efeito em conjunto com a junta de freguesia “ao longo dos últimos anos”.

- PUB -

“Mesmo na semana passada, no âmbito do projecto ‘Pinhal Novo Verde’, estiveram a ser plantados mais pinheiros mansos no espaço do Mercado Mensal [ver breve ao lado], entre outros, para criar uma ‘ilha de sombra’”, reforça o município.

A futura “Rotunda dos Pinheirinhos” visa “melhorar as condições de circulação na zona” e era “reivindicação antiga dos pinhalnovenses”, conclui a Câmara Municipal de Palmela.

- PUB -

Mais populares

Homem encontrado morto em casa no centro de Setúbal [Actualizada]

Cadáver de José, de 66 anos, foi transportado para a morgue do Hospital de São Bernardo para realizar autópsia

PJ investiga cadáver encontrado no interior de uma viatura em Setúbal

Populares alertaram as autoridades pelas 22h30. Homem, de 57 anos, terá morrido por causas naturais

Pedro Catarino já é goleador-mor dos sadinos na 1.ª Divisão da AF Setúbal

Com cinco golos no Vitória B, avançado do plantel principal volta a ser decisivo
- PUB -