7 Julho 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalPalmelaQuatro IPSS beneficiadas com isenções de taxas no valor de centenas de...

Quatro IPSS beneficiadas com isenções de taxas no valor de centenas de milhares de euros

Município reforça apoio às instituições que estão a desenvolver obras e projectos para aumentarem respostas sociais

 

- PUB -

Quatro Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) do concelho de Palmela vão receber da Câmara Municipal o estatuto de relevante interesse público e com isso beneficiar da isenção de taxas urbanísticas num valor global de 236.634 euros.

Vão ser beneficiadas a Santa Casa da Misericórdia de Palmela, a Fundação COI – Centro de Ocupação Infantil, o Centro Social da Quinta do Anjo e a Associação de Reformados Pensionistas e Idosos do Bairro Alentejano (ARPIBA).

As taxas, explica o município, dizem respeito “a obras e projectos” que estas IPSS “estão a desenvolver”, com o objectivo de “aumentarem a capacidade das respostas sociais para mais 276 utentes”. A atribuição do estatuto, que viabiliza as isenções, foi aprovada, por unanimidade, pelo executivo na reunião descentralizada que decorreu no passado dia 16 em Quinta do Anjo.

- PUB -

A Misericórdia de Palmela é a instituição que vai beneficiar de um maior valor de isenção, 132.559 euros, para implementar o projecto de “legalização do Centro Clínico e ampliação da Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, com execução de obras no interior e nas fachadas”.

Segue-se a Fundação COI, que vai ficar isenta de um montante de 96 mil euros, para dar corpo à construção de uma Estrutura Residencial para Pessoas Idosas.

O Centro Social da Quinta do Anjo, com o projecto de alteração/ampliação do edifício existente, para instalação de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário nas instalações situadas na Rua Venâncio da Costa Lima, fica isento de taxas no montante de 7.204 euros. E a ARPIBA, para a construção de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário, vai beneficiar de uma isenção no valor de 889 euros.

- PUB -

“As IPSS vão realizar estes investimentos no âmbito de candidaturas apresentadas ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR). O município, além de apoios financeiros já concedidos e da cedência de terrenos, avança também com a isenção de taxas, por reconhecer o importante trabalho destas associações e as carências do concelho ao nível das respostas sociais”, explica, a finalizar.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Pastelaria Abrantes fecha portas a poucos meses de fazer cem anos [actualizada]

Setubalenses têm recorrido às redes sociais para manifestar tristeza com a notícia, por se tratar de um espaço histórico

PSP deteve em flagrante homem a furtar catalisadores

Dono de uma das viaturas alertou a PSP, que conseguiu interceptar o indivíduo no local

Programa Festas Populares São Pedro Montijo 2022

Consulte o programa na íntegra das Festas Populares de São Pedro, que arrancam na terça-feira (28 de Junho)
- PUB -