23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Desfile nocturno aguçou apetites e corso de terça valeu por dois

Desfile nocturno aguçou apetites e corso de terça valeu por dois

Desfile nocturno aguçou apetites e corso de terça valeu por dois

Celebrações contagiantes e arrebatadoras. Fernando Caria realça associações e adesão de público. Ninguém arredou pé, mesmo com chuva

 

No sábado o desfile nocturno já havia gerado fortes expectativas e aguçado apetites. Mas a verdadeira confirmação do êxito chegou três dias depois. O corso vespertino no dia do Entrudo, em Montijo, valeu por dois – pelo da própria terça-feira e pelo de domingo anterior que fora cancelado face às condições climatéricas adversas –, tal foi a qualidade apresentada, quer pela decoração dos carros alegóricos quer pelos cerca de dois mil participantes trajados a rigor quer, ainda, pela capacidade de atracção de público ao centro da cidade.

- PUB -

Desde a saída da frente ribeirinha, passando pela Avenida dos Pescadores e terminando na Praça da República, o cortejo de terça-feira, mesmo “salpicado” por alguma chuva, revelou-se tão contagiante como arrebatador. A cor, os ritmos – marcados pelas charangas de “O Cavalinho”, “Alegria” e “Fresquinhas” – e a folia foram constantes e conquistaram a moldura humana que resistiu à “pontaria” de São Pedro.

“As previsões meteorológicas levaram ao cancelamento do cortejo de domingo, mas os desfiles de sábado à noite e de terça-feira à tarde foram muito bons. No corso de terça-feira foi incrível como as pessoas não arredaram pé, muitas delas mesmo sem estarem munidas de guarda-chuva”, diz Fernando Caria, presidente da Junta da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro.

O autarca realça “a participação massiva das associações do concelho” em cada um dos corsos – “cerca de duas mil pessoas”, sublinha – a que se somou uma boa “adesão individual” de foliões. Os 10 carros alegóricos, considera, apresentaram-se “muito bem elaborados” e, em jeito de balanço, os números foram extremamente animadores. “Estou convicto de que nos dois desfiles o Montijo recebeu cerca de 45 mil visitantes. Restaurantes e cafés estiveram cheios, foi muito bom para o comércio local.”

- PUB -

O espectáculo musical realizado logo após o desfile de terça-feira e os mergulhos da praxe nas águas do Tejo, protagonizados por elementos dos “Comilões”, acrescentaram dimensão às comemorações carnavalescas do Montijo, organizadas pela Associação Somos Peixinho.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -