6 Outubro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaFestas da Moita começam amanhã com vários concertos e feira taurina

Festas da Moita começam amanhã com vários concertos e feira taurina

Festejos arrancam esta sexta-feira e prolongam-se até ao próximo dia 18

 

- PUB -

As Festas em Honra de Nossa Senhora da Boa Viagem, muito aguardadas pela população da Moita e mesmo pelos emigrantes oriundos deste município do distrito de Setúbal, ficam marcadas pela estreia do presente executivo à frente da autarquia e da vinda de moradores de vários pontos do território, após dois anos marcados pela situação pandémica. Sara Silva, vice-presidente da edilidade, em declarações a O SETUBALENSE, assegurou que este ano “vamos voltar a ter as festas com tudo aquilo que tínhamos antes da pandemia”.

A autarca recorda que na presente edição “temos uma grande oferta musical, num programa que foi pensado para todas as idades e para todas as famílias, porque teremos uma tarde dedicada às crianças, no Parque Municipal, num ambiente mais descontraído e onde os mais jovens podem brincar à vontade, com animação e balões, pinturas faciais e insufláveis”, garante.

Além dos concertos previstos para o palco da Marginal, Sara Silva lembra que os festejos contarão ainda com música popular portuguesa, com espectáculos dedicados a uma faixa etária específica, dirigida à população da terceira idade e que aprecia este tipo de actuações, além da música para um público mais jovem, com a existência de bares pelo recinto, onde vão estar instalados quatro palcos com uma oferta diversificada e onde os visitantes possam escolher aquilo que mais lhes interessa.

- PUB -

“O Palco Cais é mais dedicado a DJ’s e a uma faixa da população muito específica, que também servirá para acolher a noite do Fragateiro”, afirmou, num espaço que foi transferido para esta zona, com vista a apoiar a iniciativa promovida pelo Centro Náutico Moitense, num evento com grande tradição na vila.

Sara Silva, vice-presidente da Câmara da Moita, está confiante que no retomar do evento deste ano vai correr tudo da melhor forma

A responsável lembra que as festas incluem ainda a realização da Tarde do Fogareiro, nos moldes realizados em edições anteriores. “Esperamos que as pessoas adiram e que se divirtam, já que o evento é muito aguardado por todos”, acrescenta, sendo que “é também o retomar das relações sociais, dos convívios e dos encontros entre amigos”, realçou.

A procissão em honra da padroeira da Moita acontece no dia 11 – no primeiro domingo das festas –, num evento religioso que vai contar com a presença da charanga da Guarda Nacional Republicana, como é habitual, três bandas filarmónicas e a Banda Musical do Rosário a acompanhar o desfile, numa parceria com a Comissão da Igreja e o conselho coordenador dos festejos, sendo um ponto de honra para a autarquia que tudo corra da melhor forma.

- PUB -

Organização dá especial atenção à segurança
Em termos de segurança, as largadas previstas na programação – sendo três delas nocturnas –, contaram com um cuidado especial na sua organização, tanto ao nível dos toiros como do recinto escolhido. “Neste aspecto temos consciência que este é um recinto potencialmente perigoso e as pessoas também têm que perceber que devem desenvolver alguns esforços para advertências no decorrer de cada evento”, sublinhou Sara Silva.

A organização espera que todos os que visitem o espaço dos festejos ajudem os promotores neste aspecto, tratando-se de animais selvagens e de grande porte que impõem algum respeito. Desta vez a equipa médica foi reforçada, com a presença de quatro ambulâncias em permanência e com mais profissionais de saúde no local, numa área alargada de assistência imediata, com médicos especialistas em traumatologia. O recinto vai ainda contar com a presença de elementos da GNR e de um corpo de intervenção, além de uma equipa de segurança privada que vão assegurar ao município um sentimento de confiança, tal como sucedeu com a Feira Regional de Maio.

A vereadora está convicta de que “temos todas as condições previstas e salvaguardadas para que corra tudo bem e que, de certa forma, estas festas sejam exemplares na Moita”, destaca, naquilo que é a animação e a diversão de todos os que visitam o município. Sara Silva realça ainda que na área da tauromaquia foram introduzidas algumas novidades, num espaço mais alargado, com demonstrações de como é que se começa a ser toureiro e aquilo que a juventude pode esperar desta área, para “apelar que o público mais jovem também possa participar e integrar esta tradição”.

FECI retomada com vacinação em parte do recinto
A FECI – Feira Comercial e Industrial, no Pavilhão Municipal de Exposições, que decorrerá no período destas festividades, não será igual a edições anteriores, sendo um retomar do evento. “Sabemos das dificuldades que as empresas tiveram e muitas delas encerraram durante a pandemia, já que não tiveram suporte financeiro para travar a doença, tendo sido muito mau quer a nível comercial como das famílias, o que condicionou a realização desta edição, ainda assim decidimos avançar com a feira porque tivemos muita gente que se dispôs a vir para o evento e a ajudar-nos a retomar este certame tão conhecido no concelho, com uma dimensão mais modesta, mas com os stands a trazerem algum brilho ao retomar da normalidade das festas”, frisou.

Em articulação com o delegado de saúde e o ACES Arco Ribeirinho, a câmara procurou encontrar uma solução para o retomar das vacinas da Covid no local, não tendo sido descartado o Centro de Vacinação, que estará em funcionamento à sexta-feira, em parte daquele equipamento, num espaço reservado e com todas as condições para este efeito, sendo que futuramente o serviço vai passar a ocupar outro espaço no território.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Primeira pedra de construção de empreendimento à beira-rio lançada no município do Barreiro

Novo espaço habitacional pretende atrair famílias locais e jovens a um preço razoável   O lançamento da primeira pedra de construção do novo empreendimento que vai nascer...

Acidente de trabalho com um reboque faz um morto e um ferido

Vitimas estavam a trabalhar debaixo da estrutura que lhes caiu em cima

Polícia Judiciária detém homem em Setúbal suspeito de dezenas de crimes de pedofilia

Suspeito aproveitou-se do facto de coabitar com a jovem de 17 anos para a sujeitar a abusos sexuais, que terão tido início quando a vítima tinha 12 anos
- PUB -