23 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaMoita começa a celebrar 25 de Abril com iniciativas a partir do...

Moita começa a celebrar 25 de Abril com iniciativas a partir do próximo domingo

Programa deste ano inclui concerto com António Zambujo na Praça de Touros Daniel do Nascimento

 

- PUB -

O concelho da Moita começa a celebrar a Revolução dos Cravos, com um programa de comemorações que inclui a realização da 1.ª Grande Noite do Fado, no próximo dia 16, a partir das 19h00, no Clube Recreativo do Penteado, após a realização do 32.º Festival de Acordeão da Barra Cheia, na sede do Rancho Etnográfico de Danças e Cantares daquela localidade.

De acordo com o programa de festejos promovido pela autarquia moitense, no próximo dia 22, a partir das 19h30, a sede do Grupo “Os Indefectíveis”, em Alhos Vedros, acolherá a Grande Noite de Fados, que terá lugar na mesma altura em que vai decorrer uma Assembleia de Freguesia extraordinária comemorativa do 25 de Abril, com sessão solene, naquela Junta de Freguesia.

O vasto programa inclui ainda a realização, no dia 23, pelas 21h30, de bailes organizados pela União de Freguesias do Gaio-Rosário e Sarilhos Pequenos e pelo Clube Recreativo do Penteado. Na mesma data e numa organização da Câmara da Moita e do Rancho Etnográfico de Danças e Cantares da Barra Cheia, terá lugar na Praça da República, assim como na sede daquele rancho, o 38.º Festival de Folclore da Região Caramela.

- PUB -

A véspera da revolução será assinalada a partir das 08h30, com a alvorada e o hastear das bandeiras, sendo a manhã preenchida com um jogo de Solteiras e Casadas, se houver equipas, e com o Jogo da Malha, a partir das 15h00, organizado pela Associação de Moradores do Bairro Novo. Nessa altura, terá lugar o tradicional “Torneio da Sueca”, na sede do Grupo Desportivo da Fonte da Prata.

O dia será ainda preenchido, entre as 15 e as 19h00, com insufláveis para as crianças, numa organização da Junta de Freguesia da Moita, e com o concerto de música popular portuguesa “Zeca Afonso, com o Zé da Viola”, no Largo da Liberdade, no Palheirão. O tradicional jantar do 25 de Abril terá lugar nessa noite, pelas 20h00, na sede do Ginásio Atlético Clube, na Baixa da Banheira, sendo que, às 21h30, terá lugar um baile na freguesia de Sarilhos Pequenos.

Concerto marcado para a Praça de Touros

António Zambujo vai atuar na noite do próximo dia 24, na Praça de Touros Daniel do Nascimento | Foto: Kenton-Thacher
- PUB -

A noite que antecede as comemorações deste ano será preenchida, pelas 22h30, com um concerto de António Zambujo, na Praça de Touros Daniel do Nascimento, na Moita, destinado ao público em geral e a maiores de seis anos. Nascido em Beja, a 19 de Setembro de 1975, o cantor “é um dos maiores artistas, autores e intérpretes contemporâneos da música e da língua portuguesas, e um dos seus mais notáveis embaixadores no mundo”. Ao nono álbum e oitavo de originais – “António Zambujo Voz e Violão” –, o músico inspira-se no nome de um dos discos da sua vida – “João Voz e Violão”, de João Gilberto, editado em 1999, e volta, nada acidentalmente, ao essencial.

A Festa da Liberdade começa este ano pelas 09h00 do dia 25, na Praça da República, naquela vila, com uma iniciativa que vai contar com uma Sessão Solene da Assembleia Municipal, uma arruada pela Banda Musical do Rosário e Banda Filarmónica da Moita, uma concentração Motard e demonstrações de actividades associativas desportivas e culturais concelhias.

Dia 30, pelas 21h30, a música estará de regresso ao Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na vila da Baixa da Banheira, com as Cantigas de Abril e com a Orquestra Baía – Associação Cultural e Musical, residente no concelho vizinho do Barreiro, que preparou um repertório alusivo a esta data, com canções interpretadas por Paulo de Carvalho, Carlos do Carmo, Zeca Afonso, Sérgio Godinho, Fausto, entre outros.

Para encerrar as comemorações dos 50 anos da Revolução de Abril de 1974, a autarquia moitense preparou para 24 de Maio, duas sessões do espectáculo “Mais Alto”, às 11 e 15h00. Pelo palco do Fórum Cultural será celebrado o poder da música na expressão de ideias ou sentimentos, com temas históricos de artistas nacionais e estrangeiros, entre os quais, José Mário Branco, Caetano Veloso, Xutos & Pontapés e B Fachada, entre outros.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Piscina na urbanização dos Fidalguinhos está quase a sair do papel

Obra de 3,5 milhões de euros já tem projecto e concurso pode avançar ainda este ano. Futuro equipamento terá capacidade para cerca de 700...

Cidade perde rede de agentes com chegada da Transportes Metropolitanos de Lisboa

Rede com mais de uma dezena de estabelecimentos, construída pelos TST, desfeita com chegada de nova transportadora, prejudicando utilizadores mais velhos

Jovem sequestrado e violado em casa de banho da estação de comboios de Coina

Rapaz de 16 anos foi abusado por homem de 43. Violador está agora em prisão preventiva
- PUB -