28 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaProjecto Adaptar redesenha campus da Escola Técnica Profissional da Moita

Projecto Adaptar redesenha campus da Escola Técnica Profissional da Moita

Estabelecimento quer reduzir número de pessoas na escola e renovar sinalética

 

- PUB -

A Escola Técnica Profissional da Moita (ETPM) considera que a actividade educativa e formativa naquele estabelecimento de ensino “foi e continuará a ser […] fortemente impactada pela crise sanitária e económica, provocada pelo novo coronavírus”, nomeadamente, durante o próximo ano lectivo, pelo que diz ser necessário “acelerar a digitalização dos processos de ensino-aprendizagem, através do investimento nas plataformas de formação à distância”.

“Uma parte considerável deste investimento que necessitamos de realizar e a  digitalização dos processos  será realizado através de acções de capacitação das nossas equipas para gerirem, desta forma, processos fundamentais na nossa actividade”, explica a escola, que pretende, através do Projecto Adaptar, a “implementação de um novo layout do campus” para “reduzir os fluxos da equipa, alunos e visitantes no mínimo indispensável o que, necessariamente, irá representar a renovação da maioria da sinalética interna”.

Considerando a faixa etária dos alunos, entre os 14 e os 18 anos, a escola pretende implementar ainda soluções que garantam e sinalizem o distanciamento social recomendado, sobretudo junto dos serviços de maior fluxo e espera, tais como o refeitório, a papelaria/reprografia e o bar.

- PUB -

“A adaptação do nosso layout às condicionantes que a gestão sanitária do actual momento exige será implementada não só nas actividades principais […], mas também em todos os serviços complementares de apoio”, assegura, tais como serviços de transporte dos alunos, biblioteca, espaços de actividade física, secretaria e na quinta pedagógica, onde as turmas de agro-pecuária desenvolvem grande parte das suas actividades lectivas.

Um investimento que será ainda complementado com a distribuição de dispensadores de gel e de outro tipo de desinfectantes, com acções periódicas diárias deste tipo de limpeza por todo o campus, normalmente utilizado por cerca de 700 pessoas.

Refira-se que o Projecto Adaptar é co-financiado pelo Programa COMPETE 2020, Portugal 2020 e pela União Europeia, através do Fundo Social Europeu.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -