27 Janeiro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalMoitaAutarquias da região preparam alargamento dos TCB

Autarquias da região preparam alargamento dos TCB

Os Transportes Colectivos do Barreiro (TCB), que também circulam desde Julho de 2016 nas freguesias da Baixa da Banheira, Alhos Vedros e Vale da Amoreira, podem aumentar os seus percursos a outros territórios.

“Estamos a pensar em algo mais. Está criado um grupo de trabalho entre os municípios fronteiriços com o Barreiro, no caso a Moita, Palmela, Seixal e Sesimbra. Estamos a estudar o que é necessário para os TCB alargarem a sua operação a outros territórios”, revelou o Presidente da Câmara Municipal da Moita, Rui Garcia.

- PUB -

Até ao momento, o alargamento dos TCB ao concelho da Moita vai só até à entrada de Alhos Vedros, mas a população do resto do concelho deseja o mesmo.

“O balanço que fazemos até aqui é positivo e só não é mais positivo porque fizemos um alargamento limitado e a população do resto do concelho, que sente que aquele serviço tem melhores condições, mais económicas, com maior frequência do que o outro operador, também desejava tê-lo, ainda não foi possível mas estamos a avaliar”, adiantou o autarca.

Rui Garcia salientou ainda que o que pretende é melhorar a mobilidade na Moita e que a Área Metropolitana de Lisboa (AML) está a discutir o assunto.

- PUB -

“Não estamos apenas focados nos TCB. Queremos melhorar a mobilidade no concelho e os Transportes Sul do Tejo (TST) têm aqui um papel também. Vai haver até 2019, por força do novo regime, a necessidade de se fazer a atribuição de alvarás para os operadores de transportes públicos e estamos a trabalhar na AML em quais são as necessidades que temos, para que o concurso as reflicta”, explicou o autarca.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -