26 Fevereiro 2024, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalGrândolaSistema de Atendimento implementado nos centros de saúde do litoral alentejano

Sistema de Atendimento implementado nos centros de saúde do litoral alentejano

Novo sistema vai permitir reduzir “os constrangimentos no contacto telefónico” com as unidades de saúde

 

- PUB -

O novo Sistema de Atendimento e Resposta Ágil (SARA), que entrou em funcionamento na quinta-feira nos centros de saúde do litoral alentejano, vai permitir reduzir “os constrangimentos no contacto telefónico” com as unidades de saúde.

“Era um problema que o litoral alentejano tinha e a implementação deste sistema nesta região será uma mais-valia” para fazer face “aos constrangimentos no contacto telefónico”, principalmente nos cuidados de saúde primários, explicou à agência Lusa a presidente do conselho de administração da Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA), Catarina Filipe.

De acordo com a responsável, entre “80 a 90% das reclamações nos cuidados de saúde primários” da região do litoral alentejano diziam respeito à dificuldade no contacto telefónico com as unidades”.

- PUB -

O sistema permite devolver chamadas não atendidas e facilita o acesso dos utentes aos cuidados de saúde primários, evitando deslocações desnecessárias.

A partir de agora, “o utente liga para a unidade, utilizando o mesmo número, vai ter um automatismo que o vai guiar nas opções que deve escolher e depois vai para uma lista de espera das administrativas das várias unidades que, ao longo do dia, vão respondendo às chamadas telefónicas”, indicou.

Com isto, a ULSLA irá “conseguir diminuir o número de reclamações”, além de evitar a deslocação dos utentes às unidades de saúde “para marcação de consultas ou renovação de receitas”, estimou Catarina Filipe.

- PUB -

“Este sistema só se aplica nas unidades de cuidados de saúde personalizados e familiares, porque a Saúde Pública e as Unidades de Cuidados Continuados estão fora” deste processo, acrescentou.

Numa comunicação publicada na página oficial da rede social Facebook, a unidade local indicou que a “aplicação substitui o atendimento presencial por uma gravação que coloca à disposição do utente um conjunto de opções, tais como marcação de consulta do dia ou consulta programada ou renovação receitas, entre outros”.

“Quando a opção é seleccionada pelo utente, a aplicação procede então à gravação do número que fez o contacto, gerando depois uma tarefa, ordenada pela hora da chamada e pelo motivo”, é referido na nota.

A aplicação começou a funcionar em todos os centros de saúde do litoral alentejano na quinta-feira, à excepção da unidade de Grândola “que iniciará mais tarde”.

 

- PUB -

Mais populares

Suspeito de morte de menino em Setúbal será tio da criança

Homem está identificado pelas autoridades e colocou-se em fuga. Disparo de caçadeira terá sido feito para assustar rival

Grupo distrai funcionários de banco em Palmela e furta dinheiro em caixa

Seis estrangeiros, cinco homens e uma mulher, são procurados pela GNR depois de crime que decorreu pelas 13h30

Menino de sete anos morre após ser baleado em Setúbal

Neto e avó foram atingidos a tiro de caçadeira no Bairro da Bela Vista. Disparo veio de carro em andamento. Alvo seria o pai da criança
- PUB -