23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Detido homem que matou sobrinho de sete anos no Bairro da Bela Vista [actualizada]

Detido homem que matou sobrinho de sete anos no Bairro da Bela Vista [actualizada]

Detido homem que matou sobrinho de sete anos no Bairro da Bela Vista [actualizada]

Suspeito tinha fugido para o estrangeiro com a família. Tem antecedentes criminais e será presente a interrogatório

 

A Polícia Judiciária de Setúbal deteve um homem, de 30 anos, que atingiu a tiro de caçadeira o sobrinho de sete anos, matando-o, na manhã de 18 de Fevereiro na rua no Bairro da Bela Vista, em Setúbal. O suspeito apresentou-se esta manhã de terça feira no Tribunal de Setúbal com advogado depois de quase dois meses em fuga e foi detido pela PJ de Setúbal.

- PUB -

O alvo do disparo de caçadeira era um vizinho que minutos antes pediu ao agressor para não armar confusão junto da sua casa e que acabou por ser alvo de tiro de caçadeira quando passava à frente do suspeito. O tiro atingiu-o, sem gravidade, mas também o sobrinho do agressor, que estava numa viatura estacionada atrás do alvo. O menino de sete anos morreu.

O crime ocorreu por volta do meio dia de domingo na rua no Bairro da Bela Vista, junto a casa da vítima. Este, homem com 26 anos, pediu ao suspeito para não armar confusão junto da sua casa. Munido de uma caçadeira, o suspeito quis atirar contra o vizinho, com quem tinha quezílias, e disparou. A vítima foi atingida de raspão, mas os chumbos atingiram um menino de sete anos, sobrinho do autor dos disparos, na cabeça, bem como a avó deste, também sem gravidade. O menino foi transportado por familiares para o Hospital de São Bernardo em estado crítico, mas acabou por falecer no Hospital de Santa Maria, onde deu entrada em morte cerebral. O óbito foi declarado nessa noite.

Na manhã do crime, às autoridades que chegaram ao local foi dado um relato falso sobre o sucedido no sentido de despistar e dar tempo ao suspeito para fugir, o que aconteceu. Este apontava para tiros disparados através de uma viatura em andamento.

- PUB -

De acordo com a PJ, “a situação foi esclarecida pela investigação efectuada, quer em termos periciais no cenário do crime, quer em termos de aturada recolha de informação e depoimentos, que permitiram apurar a identidade do autor dos disparos e as circunstâncias da situação”.

À investigação da PJ chegou um vídeo que elucidou sobre o que aconteceu. Vários moradores, entre eles familiares das vítimas, correm de um lado para o outro da rua em visível pânico. Não se vê qualquer viatura a sair do local nem uma qualquer tentativa de retaliação pelas cerca de duas dezenas de pessoas que estavam no espaço contra quem quer que tenha disparado e fugido. Um homem foi visto com uma caçadeira na mão a entrar num carro e arrancar, enquanto outro carro, que teria a criança no interior, acelera no sentido contrário.

O detido, com antecedentes criminais por crimes de roubo, será presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação de medidas de coacção por dois crimes de homicídio qualificado, um consumado e outro tentado.

- PUB -

Notícia actualizada com novas informações

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -