1 Fevereiro 2023, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalBarreiroFrederico Rosa diz que não trocava fiabilidade dos TCB por nenhum outro...

Frederico Rosa diz que não trocava fiabilidade dos TCB por nenhum outro operador

Autarca apontou principais valias e projectos para os Transportes Colectivos do Barreiro

 

- PUB -

Frederico Rosa, presidente do município barreirense, revelou na última sessão da Assembleia Municipal, que foi possível baixar os preços dos Transportes Colectivos do Barreiro, tendo este sido o primeiro operador rodoviário a regressar aos números pré-pandemia, realçando que o número de passageiros, por sua vez, “está a crescer muito”, informou.

O autarca defendeu que só deste modo se garante a sustentabilidade destes serviços. “É importante poder fazer-se um percurso que, em primeiro lugar, solidifique o caminho de sustentabilidade que os TCB estão a fazer, que consigam continuar a crescer e a [obter] ganhos de reputação, que são visíveis na contratação de motoristas”, lembrou, considerando que o mais importante é que estes transportes “consigam garantir […] um conjunto de factores de gestão para padronizar o mais possível e garantir níveis de fiabilidade” junto dos utilizadores.

Na altura, o autarca assegurou que “não trocava a fiabilidade dos TCB por nenhum outro operador, mesmo que fosse mais barato”. O edil considera que o caminho que tem que ser seguido é continuar com a contratação de mais motoristas, tendo “mais autocarros na rua e durante mais tempo”.

- PUB -

“Quanto mais crescermos, sem nunca pôr em causa o equilíbrio financeiro, [mais] podemos baixar o valor”, defendeu, alertando que os preços praticados não podem esperar que alguém os pague. “Este caminho tem de ser sólido e sustentável e hoje estamos em condições de o fazer, porque o crescimento que os TCB têm tido no número de passageiros” tem permitido à autarquia alcançar “um modelo que possibilite ter um maior número de carreiras na rua”.

Revelou ainda que a câmara está a preparar “um investimento nas oficinas”, num caminho que “conseguindo manter o rumo” permitirá “atingir metas ambiciosas”. No final, a proposta de redução da tarifa de bordo foi aprovada por unanimidade, sendo que actualmente cada viagem custa 1,25 euros.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.

Sexta-feliz chega ao concelho para dar “mais tempo” aos funcionários

PartYard decidiu dar as tardes de sexta-feira aos trabalhadores para melhorar o seu rendimento
- PUB -