2 Outubro 2022, Domingo
- PUB -
InícioLocalAlmadaFestas de Corroios “chamaram o António”

Festas de Corroios “chamaram o António”

Toy marca presença esta noite no palco principal

 

- PUB -

A noite desta quinta-feira nas Festas de Corroios, irá decerto “aquecer” com a presença do cantor setubalense Toy, um dos nomes mais requisitados para espectáculos ao vivo em Portugal.

Por aqui, falei dele há dias, a propósito do concerto nas Festas do Barreiro.

Agora será vez de Corroios assistir a um concerto do cantor que cantou (e ainda canta) que está “Estupidamente Apaixonado”, porque como também canta, o “Coração não tem idade”.

- PUB -

São quase 40 anos de discos (o primeiro dos quais, recordo, “Dias de Paz” foi lançado no longínquo ano de 1985, respondia ele – na altura – pelo nome de António Ferrão), mas muitos mais de cantigas, pois segundo reza a história, começou a cantar por volta dos 5 anos de idade.

Andou pela Alemanha uns anos, onde também cantou e volta a Portugal onde, em 1988, assume o nome artístico de Toy. “Mulher Latina” foi a sua estreia em disco, com o novo nome.

Depois, o longo caminho foi preenchido com passagens pelo Festival RTP, por inúmeros programas de televisão, onde, para além de cantar participa em programas de entretenimento, mais de três dezenas de discos e muitos sucessos populares e concertos, muitos concertos.

- PUB -

Faz temas para novelas, dirige musicalmente novelas, desempenha o papel de júri em diferentes programas de televisão. Já este ano chegou a estar em simultâneo em três canais de televisão. Actualmente está a aparecer diariamente na RTP a cantar…”Pôr do Sol”.

A realidade é que neste momento se pode dizer que, de norte a sul, todas as comissões de festas e canais de televisão levam á letra o êxito “Chama o António”. Assim foi em Corroios, chamaram-no e ele lá estará ao vivo.

Não será seguramente “Toda a noite”, mas uma boa parte da mesma.

 

Opinião Musical

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Acidente de trabalho com um reboque faz um morto e um ferido

Vitimas estavam a trabalhar debaixo da estrutura que lhes caiu em cima
- PUB -