16 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalAlcocheteMunicípio de Alcochete aprova voto de pesar pela morte da fadista Elisabete...

Município de Alcochete aprova voto de pesar pela morte da fadista Elisabete Maria Viana

Fadista emigrou para os EUA há quase 40 anos, tendo regressado a Portugal, com o seu marido, em Junho de 2019

 

- PUB -

O executivo da Câmara de Alcochete aprovou, por unanimidade, na última reunião de Câmara, 2 de Março, um voto de pesar pelo falecimento da fadista Elisabete Maria Viana, no passado 18 de Fevereiro, aos 67 anos.

“Foi com profunda tristeza e enorme sentido de perda”, disse a vice-presidente da Câmara, Maria de Fátima Soares, que leu o voto de pesar sobre a fadista alcochetana. Elisabete Maria Viana emigrou para os Estados Unidos da América há quase 40 anos, onde fez quase toda a sua carreira, actuando nos mais emblemáticos espaços de fado, tendo regressado a Portugal, com o seu marido, em Junho de 2019.

Maria de Fátima Soares sublinhou que Elisabete Maria Viana “representou sempre a alma e as tradições ribatejanas, sendo uma figura de referência no seio do fado nos Estados Unidos da América, onde a sua voz única se fez ouvir nos mais representativos espaços de fado na região metropolitana de Nova Iorque”.

- PUB -

A isto acrescentou que a fadista “esteve sempre ligada à Casa do Ribatejo de Newark, onde tem actualmente como presidente a sua filha”.

“A nós cabe-nos honrar o seu legado e guardar na memória de todos os bons momentos vividos e que este voto de pesar seja uma humilde, mas sentida homenagem”, disse a vice-presidente da Câmara.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -