6 Dezembro 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioLocalAlcácer do SalAlcácer do Sal mantém IMI mais baixo da região em 2018

Alcácer do Sal mantém IMI mais baixo da região em 2018

Presidente da Câmara sublinha que política fiscal mantém-se apesar da receita de IMI estar a baixar

- PUB -

A Câmara Municipal de Alcácer do Sal vai manter o IMI mais baixo do distrito de Setúbal em 2018. A manutenção da taxa mínima, de 0,3%, foi aprovada ontem, por unanimidade, na reunião do executivo municipal.
Os vereadores aprovaram ainda a manutenção da participação no IRS (4%) e da derrama (1% taxa geral e 0,25% taxa especial para PME com negócios inferiores a 150 mil euros) para o próximo ano. As propostas vão agora ser submetidas à Assembleia Municipal.
O presidente da autarquia, Vítor Proença, referiu que a manutenção da carga fiscal no mínimo é assegurada num contexto de redução da receita municipal de IMI, que tem vindo a baixar nos dois últimos anos.
A Câmara de Alcácer aprovou também, neste caso com abstenção das vereadoras do PS, a alteração do mapa de pessoal, criando mais 29 postos de trabalho, para, segundo explicou o vereador Nuno pestana (CDU) preparar a integração de pessoas que actualmente estão em regime de prestadores de serviços. Os novos funcionários serão para a “parte operacional e auxiliares técnicos”, áreas em que o município continua a ter necessidades de pessoal, especificou Vítor Proença.
A vereadora Isabel Vicente (PS) questionou o momento em que a integração está a ser preparada, considerando que há “eleitoralismo” e exigiu um procedimento com concurso público, “aberto e transparente”.
A maioria CDU, através de Nuno Pestana e Vítor Proença, respondeu que a decisão agora tomada não é ainda o concurso público, sendo apenas preparatória.
“O Governo abriu possibilidade de pessoas que estão a contrato passarem para os quadros, na administração pública nacional, e diz-se que vai abrir para a administração local, e, se nós já estivermos preparados, é mais fácil”, disse Nuno Pestana.
“Para não haver confusão, fazemos já [a alteração ao mapa de pessoal], para não ficar para Setembro, como alguns [municípios] vão fazer”, concluiu Vítor Proença.
A reunião do executivo iniciou-se com um minuto de silencio pelas vitimas de Pedrogão Grande, com a vereadora Isabel Marçano (PS) a louvar os bombeiros e a expressar solidariedade ás pessoas afectadas pelos incêndios.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Militares da GNR raptados e agredidos na Costa da Caparica

Uma das vítimas sofreu ferimentos graves e está internada no Hospital Garcia de Orta. A PJ de Setúbal foi accionada e está a investigar o caso

Homem morre em confrontos num café na Avenida Bento de Jesus Caraça

Causa da morte não é clara. PJ está a investigar

Jovem morre esfaqueado em cilada durante convívio 

Vitima, na casa dos 20 anos, era estudante e trabalhador na Autoeuropa
- PUB -