12 Agosto 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalAlcácer do SalPIMEL 2017 quer ser a montra do que é a "tradição" de...

PIMEL 2017 quer ser a montra do que é a “tradição” de Alcácer do Sal

A 27ª edição da PIMEL – Feira do Turismo e das Actividades Económicas, entre 23 e 25 de Junho, no Parque de Feiras e Exposições de Alcácer do Sal, vai contar com a presença de 120 expositores espalhados pelo recinto exterior, pavilhão da feira e área agrícola, anunciou  a Câmara de Alcácer do Sal, em conferencia de imprensa

 

- PUB -

A autarquia, que organiza há dois anos o certame em conjunto com a Associação dos Agricultores e a Caixa Agrícola de Alcácer do Sal e Montemor-o-Novo, diz que o número de expositores aumentou consideravelmente nos últimos anos.

“De 2013 até à edição deste ano passou de oitenta para 120 expositores e isto deve-se à dinâmica do certame. As pessoas estão a perceber que a Câmara está a investir imenso na feira e, apesar de não ter ainda as condições perfeitas, é uma área de negócio também importante. O ano passado houve áreas de negócio de dezenas de milhares de euros”, adiantou Vítor Proença, presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal que não quis divulgar o orçamento da feira. “É um pouco mais elevado do que no ano passado”, afirmou.

A parceria com a Associação de Agricultores de Alcácer do Sal permitiu o reforço da componente agrícola e animal na feira com a renovação da área de exposição de bovinos, ovinos e caprinos e a entrada de novos produtores, assim como a realização de colóquios dedicados ao setor.

- PUB -

Este ano, em debate, vai estar a agricultura inteligente “e uma nova realidade que existe no nosso concelho que é fundamentalmente florestal”, sublinhou o presidente da AAAS, Francisco Vacas.

“Vai ser a PIMEL mais participada de todas, desde o cartaz, ao programa já que corresponde à dinâmica que Alcácer do Sal está a ter neste momento”, sublinhou o autarca que anunciou alterações no recinto da feira.

“Quem entra pelo lado poente vai encontrar uma grande oferta de expositores de máquinas agrícolas e há melhorias nas acessibilidades que só no próximo mandato poderão ser concretizados”, acrescentou.

- PUB -

‘Sentir Alcácer’ é o tema da PIMEL 2017. “A grande matriz da feira são as gentes de Alcácer do Sal. A feira é a montra do que é nosso e da tradição de Alcácer do Sal”, destacou o edil.

O certame vai contar com uma programação diversificada e com artistas de renome nacional, como é o caso de Fábia Rebordão e Virgul (dia 23 de junho) Tony Carreira, no sábado, 24 de junho e os D.A.M.A, no último dia do evento (25 de junho).

Um cartaz que vai chamar muitos visitantes à feira, adianta o autarca que espera uma grande enchente. “O programa musical é muito forte, a entrada é gratuita e o número de visitantes tem vindo a subir nos últimos anos, por isso esperamos bater todos os recordes”, garantiu.

Este ano, os produtos endógenos e a gastronomia vão ser os reis do evento que procura ser uma montra do que de melhor tem o concelho de Alcácer do Sal. Além dos showcooks, ao longo dos três dias da feira, não vão faltar colóquios, atuações dos grupos musicais do concelho, concurso de mel e uma corrida de touros na Praça João Núncio.

O cartel já está fechado e vai contar com o cavaleiro António Ribeiro Telles, assim como os forcados de Évora e Montemor-o- Novo, que estiveram no encontro com os jornalistas.

A abertura oficial da Feira realiza-se este ano, no dia 23, pelas 18h00, e vai contar com a presença dos embaixadores do Alentejo Silvia Rizzo e João Catarré.

Comentários

Helga Nobre
Jornalista
- PUB -

Mais populares

PSP de Setúbal sem meios para se deslocar a atropelamento em frente à esquadra

Acidente na Avenida Luísa Tody fez uma vítima de 88 anos

Hospital da Luz Setúbal confirma nova clínica no centro da cidade

Dr. José Ferreira Santos, director clínico do estabelecimento, confirma pólo adicional para aproximar clientes do centro hospitalar

João Martins: “Deixo uma casa com bom nome e reconhecida”

Criou, desenvolveu e consolidou a Escola Profissional do Montijo (EPM). Ao fim de 29 anos e uns pozinhos, o professor decidiu passar o testemunho
- PUB -