19 Janeiro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalAlcácer do SalMinistro Pedro Marques apadrinha apresentação de obras no IC1

Ministro Pedro Marques apadrinha apresentação de obras no IC1

O ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, vai presidir durante a tarde desta terça-feira, 18, à cerimónia de apresentação do projecto de beneficiação do IC1 entre Alcácer do Sal e Grândola, junto junto ao Posto de abastecimento de combustíveis da Galp.

- PUB -

A recepção aos convidados está agendada para as 16h50 e contará com a participação do presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal e da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral (CIMAL), Vítor Proença.

A apresentação da empreitada estará a cargo do presidente da Infra-estruturas de Portugal, António Laranjo, numa cerimónia idêntica à realizada a 13 de Janeiro último nos Paços do Concelho no Montijo, aquando da apresentação das obras de requalificação da EN4.

Programa

- PUB -

16h50 Receção dos convidados

17h00 Boas-Vindas e apresentação da obra pelo Presidente da Infraestruturas de Portugal, António Laranjo

17h10 Intervenção do Presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal e da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral, Vítor Proença

- PUB -

17h20 Intervenção do ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques

17h30 Encerramento da sessão

Comentários

- PUB -

Mais populares

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Rua José de Groot Pombo encerrada até Abril devido a “exigente e profunda” obra

Intervenção dedicada à reabilitação integral da via, incluindo a construção de passeios mais acessíveis   A Rua José de Groot Pombo, em Setúbal, vai permanecer encerrada...

Mais de 70 lotes de terreno no Bairro Grito do Povo alienados a proprietários de habitações

Os lotes vão ser vendidos a moradores e descendentes directos, que pretendam melhorar as condições de habitabilidade
- PUB -