29 Novembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
InícioDesportoPedro Gandaio: “Teremos de ser o melhor Vitória para trazermos os três...

Pedro Gandaio: “Teremos de ser o melhor Vitória para trazermos os três pontos para Setúbal”

Treinador Pedro Gandaio deixa alerta antes do duelo com o Oriental Dragon

Jogo da nona jornada da Liga 3 realiza-se sábado (11 horas) no Lavradio, Barreiro

 

- PUB -

Três semanas depois do triunfo (0-1) sobre o Torreense, o Vitória FC defronta sábado, a partir das 11 horas, o Oriental Dragon, em partida da nona jornada da série B da Liga 3.

O nono lugar que o adversário ocupa na prova é desvalorizado pelo treinador Pedro Gandaio que alerta para as cautelas a ter com uma equipa que só perdeu um jogo (com o líder U. Leiria) nas últimas seis rondas da competição.

“É importante percebermos que nas últimas seis jornadas apenas perdeu com o U. Leiria. Empatou em casa com o Torreense (2-2) no último jogo que fez em casa. É uma equipa que é capaz de estar a perder 3-0 com o Oliveira do Hospital, mas que tem a capacidade de empatar para 3-3 na segunda parte. Por tudo isto podemos ver que é uma equipa que sofre golos, mas também marca”, refere, deixando um alerta. “Teremos de ser o melhor Vitória para conseguirmos trazer os três pontos para Setúbal”.

- PUB -

Nesta fase do campeonato, depois de a equipa ter visto mais um jogo seu novamente adiado no passado fim-de-semana (frente ao U. Santarém), o técnico sublinha a importância de conquistar os três pontos.

“É fundamental, depois do jogo com o Torreense era fundamental jogar rapidamente, porque uma vitória na casa de um rival directo galvaniza a equipa e nessas alturas o melhor é jogar para criar uma rotina de vitórias”.

Com duas partidas em atraso – U. Santarém e Caldas – Pedro Gandaio antevê um mês de Dezembro muito exigente para a sua equipa que terá de fazer o acerto de calendário. “Teremos um mês de Dezembro fundamental para nós, daí a importância do jogo no sábado com o Oriental Dragon, ganhando acredito genuinamente que a equipa vai ganhar confiança para os jogos e para o calendário dificílimo que temos em Dezembro”.

- PUB -

“Honra tremenda” estar ao lado de Fernando Tomé

Instado a partilhar como foi, enquanto treinador, viver por dentro no passado sábado a festa do 111.º aniversário do clube, Pedro Gandaio foi peremptório. “Foi muito especial. Com este tipo de eventos é que vamos percebendo a dimensão do Vitória, é realmente enorme. Ter ficado na mesa com o ‘mister’ Tomé e poder trocar ideias com ele foi uma honra tremenda. As homenagens feitas foi algo que mexeu comigo”.

Ainda sobre o adiamento do encontro que estava agendado para o passado sábado, o treinador confessa que o plantel recebeu a notícia com “alguma frustração”.

“Compreendemos que devíamos aceitar o pedido do U. Santarém depois de termos adiado por duas vezes o jogo com eles, no entanto, este ciclo de joga num fim-de-semana e não joga durante 15 dias não permite criar um ciclo de vitória”.

O líder da equipa técnica, de 32 anos de idade, reitera os efeitos do adiamento, lembrando a sobrecarga de jogos que vão ter nos próximos dois meses. “O pior é que encheu o nosso calendário para Dezembro e Janeiro. Enquanto técnico sinto que em Dezembro e Janeiro seremos prejudicados por termos um ciclo de jogos superior a qualquer outra equipa”.

Questionado sobre se os seus jogadores ficaram de alguma forma mais ansiosos e se isso pode ser prejudicial à equipa, Pedro Gandaio admite que a decisão não deixou o grupo de trabalho indiferente. “Ansiosos não diria, mas treinar e não ter jogo nunca tem a mesma dimensão de quando estamos focados a preparar algo em particular.

No entanto, tento ao máximo que os jogadores vejam os aspectos positivos que possam advir dessas adversidades, e é nisso que deve estar o nosso foco”.

Importância do 12.º jogador no Lavradio

O timoneiro dos sadinos admite que o facto de a partida de sábado se jogar a cerca de 30 quilómetros de distância de Setúbal – no Estádio Alfredo da Silva, no Lavradio – poderá contribuir para a tão desejada presença do 12.º jogador no recinto do concelho do Barreiro.

“Desde o final de Agosto que não jogamos em casa com os nossos adeptos. É um jogo que vem depois do nosso aniversário. E por sabermos que poderá ter uma importância enorme na projecção da nossa equipa seria muito importante ter os nossos adeptos presentes”.

De forma a contribuir para a presença de vitorianos no Estádio Alfredo da Silva, a claque VIII Exército está a organizar uma excursão ao Lavradio. Os interessados em marcar presença na partida podem marcar os seus lugares através de mensagem provada na página da claque do Facebook ou pelo telemóvel 963084463. A partida do autocarro do Bonfim está prevista para as 9:30 horas de sábado.

Sala de Bingo foi reaberta

Entretanto, depois de um longo período de portas fechadas, devido às restrições provocadas pela pandemia de Covid-19, a Sala do Bingo do Vitória, no Estádio do Bonfim, tem desde segunda-feira as suas portas abertas. O clube informa que o horário de funcionamento é o seguinte: Segunda a Quinta-Feira 20h00-01h00; Sexta-Feira 20h00 – 02h00; Sábado 16h00 – 02h00 e Domingo 16h00 – 00h00.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Área Metropolitana de Lisboa assegura transporte rodovidário sadino até chegada da Carris Metropolitana

É necessário "dar continuidade às Autorizações Provisórias até a entrada do novo operador, de forma a evitar a ruptura dos serviços públicos de transporte rodoviário de passageiros no concelho de Setúbal"
- PUB -